Cachorra desaparecida há dois anos retorna para casa

A dona de Cali caiu em prantos quando soube da notícia.

O tormento de uma cadela chamada Cali chegou ao fim depois de dois anos desaparecida. O que aconteceu neste período ou como a cadela fez para sobreviver ninguém sabe. Mas sua vida recomeçou no dia em que Cali apareceu em um posto de gasolina muito magra e fraca, sem sequer poder se sustentar direito nas patas.

ACOMPANHE CÃES ONLINE!
Inscreva-se no Canal: https://goo.gl/HU37EA
Curta no Facebook: https://www.facebook.com/caesonline/
Participe do Grupo: https://www.facebook.com/groups/caesonline/
Siga no Instagram: https://www.instagram.com/caes.online

O animal logo foi cercado por várias pessoas, mas ninguém sabia bem o que fazer. Uma mulher que parou para abastecer o carro ficou curiosa com toda aquela movimentação e, quando se deu conta que se tratava de um cão, decidiu tomar uma atitude. Ligou na mesma hora para o abrigo Broken Promises Animal Sanctuary e falou com Anita Stout. Em pouco tempo a cachorra foi levada ao abrigo e a equipe de voluntários ficou impressionada com o que viu. Anita contou que a cadela estava magérrima e desidratada. Aliás, Anita nunca havia visto um animal tão desidratado em todos os seus anos de resgate.

Imediatamente o tratamento da cadelinha teve início. Foi descoberto que ela trazia um microchip e através dele confirmado que o animal tinha uma família em algum lugar. Pelo chip se soube que o seu nome era Cali e que tinha cinco anos de vida. Anita deixou uma mensagem para o número de telefone gravado no chip e pouco depois uma mulher chamada Brittney DiBartolo entrou em contato. Ela mal podia acreditar na notícia que estava recebendo. Ao ser confirmado que Cali havia sido encontrada, a mulher começou a chorar.

Brittney relatou à Anita que Cali fora adotada junto com outro companheiro de idade igual um ano antes de desaparecer. Os dois adoravam brincar no jardim. Um dia, contudo, apenas o outro cão entrou de volta na casa. Cali não retornou mais. A família imagina que alguém a tenha levado. O fato ocorreu há dois anos.

Após um período de buscas, a família se mudou para a Carolina do Norte. Mas a notícia da localização de Cali os encheu de alegria e todos estavam realmente dispostos a voltar até Nova Jersey para buscá-la. A logística estava sendo combinada quando algo inesperado aconteceu. Cali começou, de repente, a sangrar pelo nariz.

Os veterinários entraram em ação. A cadela possuía uma grande massa localizada atrás dos olhos e do nariz. Isto causava grande sofrimento à cadela, provocando, inclusive, dificuldade para respirar. Os exames revelaram que Cali estava com câncer.

As chances de cura eram poucas e todos ficaram bem abalados. Mas ninguém quis desistir dela. Anita Stout pesquisou um tratamento especial para Cali e logo que foi possível, a cadela começou um acompanhamento veterinário ininterrupto.

Atualmente o tratamento pode ser considerado um sucesso. A expectativa de vida passou de uma semana para 10 a 18 meses, com possibilidade de prolongar este tempo.

Com a recuperação a pleno vapor, a família de Cali está planejando buscá-la em breve e estão muito empolgados com o reencontro. Cali está prestes a ter sua antiga vida feliz outra vez.

Gostou da história? Compartilhe e inspire mais pessoas a proteger os animais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *