Cachorro salvo de incêndio se torna bombeiro

Hoje ele ajuda milhares de crianças a se protegerem nas situações de emergência.

Jake, um cão da raça pitbull, tinha apenas 3 semanas de vida quando ficou presto em um galpão que foi incendiado. Ele teve 75% do seu corpo queimado, incluindo as almofadas das patas. Um bombeiro local, chamado Bill Lindler, o resgatou. Seus donos o abandonaram no veterinário, pois eles não podiam custear o tratamento. O mesmo bombeiro que o salvou resolveu adotá-lo, quando recebeu a notícia.

cao-salvo-incendio-2

Ele se recuperou rapidamente, tornando-se o mascote oficial do Corpo de Bombeiros. Agora ele vai para as escolas ajudar crianças a aprender sobre segurança contra incêndio, e o que fazer em situações de emergência. Ele também tem o próprio emblema. Seu dono disse que a intenção era usar Jake na terapia assistida por animais, em hospitais de crianças queimadas, mas no momento eles estão treinando o cão para detecção de incêndio criminoso.

cao-salvo-incendio-2

Conhecemos bem histórias de cães que ajudam a policia a encontrar drogas ilícitas e também ajudam em resgates de acidentes, farejando até encontrar sobreviventes, por isso o trabalho de detecção de incêndio criminoso por cães é muito importante e inovador no corpo de bombeiros. Tomarem que mais cães se especializem nesse trabalho, no mundo todo.

cao-salvo-incendio-4

A história de Jake mostra que por pior que seja a situação de saúde do animal depois de um incêndio temos que lutar para que ele seja salvo. Isso também acontece com humanos, pois a recuperação de queimados é muito difícil e dolorosa, mas há casos que ocorrem recuperações, como no caso desse cão, onde a  história servirá de inspiração para muitas pessoas.

cao-salvo-incendio-5

Cuidar de feridas não é fácil, principalmente de queimaduras. Os curativos são dolorosos e a recuperação é lenta, mas não se pode perder a esperança de que tudo ficará bem. Hoje o trabalho de Jake é essencial para evitar acidentes como esse. As vezes, crianças não tem noção de como agir em um incêndio, e não sabem o perigo que estão correndo ao brincarem com fogo, por exemplo.

cao-salvo-incendio-6

A conscientização através da história de vida de Jake pode inspirar muitas pessoas, não só sobre ter esperança, mas de como é importante educar as crianças para que elas tenham noção de perigo.

cao-salvo-incendio-7

Compartilhe essa história com as pessoas, para que todos procurem se informar como agir nessas situações, que muitas vezes podem ocorrer de forma acidental, dentro de casa.

Um comentário

Deixe um comentário
  1. Amo animais e não gosto que os maltratem ele também são filhos de Deus,eu posso se você não gosta, e não sente amor por estes anjinhos por favor não precisa maltrata-los,sabemos que o que fazemos de bom eu de ruim volta o dobro para nós.Ajude um animal abandonado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *