Filhotes usam pijamas para se curarem de doença

A situação ficou realmente ruim para seis filhotes.

Kristina Rinaldi, diretora-executiva do Resgate de Cães de Detroit (DDR) não acreditou no que viu quando resgatou seis filhotes do controle de animais.

PUBLICIDADE

Eles estavam pegando fogo.

Sim, foi esta a impressão de Kristina ao tocar neles. A febre era tão alta que parecia que os pobres cachorrinhos queimavam.

O quadro de sarna era severo. Eles não possuíam pelos. A pele estava completamente cor-de-rosa e havia feridas pelo corpo.

Kristina conta que nunca viu nada parecido na sua vida, embora já tenha se deparado com muitos casos de sarna em cães. Os gânglios linfáticos e os olhos estavam bem inchados e a pele descascando. Realmente o quadro era assustador.

Este primeiro contato foi em novembro de 2015, quando os seis pequenos foram encontrados em uma casa abandonada em Detroit. O abrigo de controle de animais estava lotado e não havia como cuidar dos filhotes. A DDR então se prontificou para ajudar.

PUBLICIDADE

A equipe do DDR levou-os a um veterinário assim que eles foram resgatados. A urgência não foi o bastante para dois deles, que morreram antes de chegar à clínica. A missão, a partir daquele momento, era salvar os demais.

Os filhotes permaneceram na clínica por doze semanas. Kristina e sua equipe de voluntários os visitavam diariamente. Mesmo quando a situação melhorou, eles precisavam de cuidados 24 horas por dia por causa da sarna.

Para acelerar a cura dos quatro filhotes, os voluntários da DDR trouxeram pequenos pijamas para proteger a pele delicada. Eles as usaram por quatro meses.

Felizmente a pele começou a crescer. Passados oito meses os filhotes estavam completamente curados e não demorou muito para serem adotados por lares amorosos.

Um dos filhotes, Wilbur, vive em uma casa com um grande quintal, onde pode correr à vontade. Agora com dois anos de vida, ele tem um irmão de mãe diferente e ambos se dão muito bem. A saúde de Wilbur é excelente, graças a todos os cuidados da equipe do DDR.

PUBLICIDADE

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *