Polícia prende idoso que matou cachorro a pauladas no meio da rua

Os moradores de Palminópolis ficaram chocados com as cenas.

Certamente os habitantes da pequena Palminópolis, localizada a cerca de 121 quilômetros de Goiânia, não vão esquecer tão cedo as cenas de terror que presenciaram.

Pedro José de Oliveira, 64 anos, desferiu várias pancadas em um cão usando um pedaço de madeira. Motivo: o animal o teria irritado quando latia toda vez que motocicletas passavam pela rua.

A ação foi filmada por uma moradora do Jardim das Oliveiras. A fúria de Pedro José era tão grande que a cada paulada ele xingava o cão com palavras do tipo “você vai ainda correr atrás dos outros na rua? Vai?”. Consta que o homem continuou batendo inclusive quando o animal já estava morto.

Não satisfeito, Pedro pegou o cão por uma das patas e o levou até uma área verde cercada e o atirou ali. Até o cavalo que estava atrás do cercado foi ameaçado de morte por porrete ou veneno.

Mas a polícia militar agiu rápido e prendeu Pedro no início da tarde do dia 24/11/17. O homem foi encontrado em uma fazenda onde trabalhava como prestador de serviços. A polícia puxou a ficha corrida e descobriu que Pedro tem diversas ocorrências por estupro de vulnerável. Depois ele foi levado para a Delegacia de Palmeiras de Goiás onde, segundo o titular da Delegacia de Repressão a Crimes contra o Meio Ambiente (DEMA), Luziano de Carvalho, Pedro pode responder por crime de maus tratos aos animais. Se for condenado pode ficar um ano preso e ainda ter que pagar multa de R$ 3 mil.

Apesar da brutalidade das agressões, Pedro também poderá ficar em liberdade caso o Ministério Público oferecer uma transição penal. Ao invés de ficar preso, o homem poderá pagar uma multa ou prestar serviços comunitários.

Abaixo o vídeo filmado por uma moradora de Palminópolis. As imagens são fortes:

6 Comentários

Deixe um comentário
  1. Esse velho desgraçado deveria apodrecer na cadeia. Tenho um pensamento, ele deveria ter matado a pauladas os donos desse bichinho inoscente que o deixaram a merce da rua.

  2. Eu amo animais mais de gente que maltrata eles os animais sao meigos doce amorosos amigos e ciceros com agente eles sao lindos mais gosto. De pessoas que maltratam os animais ainda bem que saiu essa lei e crime maltratar os animais as pessoas faz muita pervecidades contras os animais tomara que as pessoas parao de fazer tanta maldades com animais assim como sao pervesos com animais sao tb com as criancas tomara que isso acabe ficarei feliz em ver os os animais felizes tb mundo poderia viver em armonia e felizes mais nao e assim so tem sofrimento destruicao as pessoas estao destruindo a natureza e tudo o que a nela fico triste em saber que o ser humano e vai destruir tudo que ta na terra que deus dixou emprestados pra viver na terra ninguem dono de nada tudo e de deus nos viemos sem nada e vamos volta pro sem nada e mundo precisa de jesus ele ama a todos os pecadores so nao ama o pecado bom dia

  3. Só provou a tese de que quem maltrata animais também estupra agride humanos mais fracos que ele. Esse velho nojento não passa de um covarde que descarrega toda sua frustração em quem não pode se defender pois não faria o mesmo com um homem do tamanho dele ou maior. Gostaria que esse lixo recebesse o que merece

  4. Como e que ninguém foi intervir??? Genteeeeee tem que ir em cima. Ele não estava com arma de fogo. Alguem deveria ter impedido. Não deixem esses tipos de coisas acontecerem. Façam algo!!!!! E filme tudo, caso o agressor venha lhe denunciar, vc terá provas de que foi para defender incapaz… nós somos a voz desse seres inocentes. Temos que defende-los sempre de pessoas covardes e cruéis como esse demônio.

  5. Acho que quem filma, deveria correr e ajudar o animal, ao invés de ficar só filmando, essa atitude poderia salvar a vida desse pobre inocente. Já esse velho maldito tem que apodrecer na cadeia. Infelizmente as nossas leis são fracas demais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *