A alegria de uma cachorra grávida ao ver que está sendo resgatada

A cachorra grávida achou que ia ganhar apenas restos, mas acabou sendo resgatada por um casal.

Uma cachorra grávida estava rodeando uma barraca de frango frito, tentando ganhar algumas sobras para matar a fome. Era uma mestiça de pitbull. A barriga denunciava a gravidez avançada, mas ela não imaginava que a sua vida estava prestes a mudar radicalmente.

Um casal estacionou junto à barraca e o homem desceu para fazer o pedido. Enquanto esperava, ele percebeu a presença da cachorra. Depois de conversar com a mulher, Jacks Anderson tomou uma atitude que mudou o destino da peluda: ele a colocou no carro e levou-a para casa.

A alegria de uma cachorra grávida ao ver que está sendo resgatada
JACKS ANDERSON

Uma adoção relâmpago

A pitbull preta estava circulando entre as mesinhas da barraca de frango frito, farejando eventuais restos e sobras dos lanches. Ela estava faminta e, além disso, tinha alguns filhotes na barriga que precisavam ser nutridos.

Jacks Anderson e a sua mulher, como fazem cotidianamente, resolveram almoçar na barraca – eles são clientes habituais do frango frito, um dos principais símbolos do fast food americano. O casal estacionou o carro, Jacks fez o pedido e levou as embalagens até a mulher. Os dois fizeram a refeição no próprio automóvel.

A cachorra, no entanto, não parecia disposta a se afastar da barraca. Ela devia estar esperando que algum “bom samaritano” que estivesse por perto se resolvesse a alimentá-la. As pessoas, no entanto, passavam por ela e não ofereciam nada.

A alegria de uma cachorra grávida ao ver que está sendo resgatada
JACKS ANDERSON

A mestiça apenas observava. Ela não fazia nenhum gesto agressivo, tentando roubar os petiscos dos clientes da barraca. Jacks e a mulher começaram a ficar emocionados com a persistência da cachorra.

Ela não tirava os olhos do casal. Realmente, estava implorando por comida e ajuda. De repente, no entanto, a cachorra desapareceu. O casal tentou encontrá-la, mas logo percebeu o motivo: o balconista da barraca tinha enxotado a cachorra, que saiu correndo pela calçada.

Mas ela voltou minutos depois. Foi nesse momento que o casal percebeu a gravidez, denunciada pela barriga protuberante. Jacks, então, pegou algumas sobras e tentou atraí-la até o carro. A mulher colocou uma bandeja na calçada e desfiou alguns pedaços de frango, para que a peluda pudesse matar a fome.

Jacks e a mulher sabiam que tinham de ajudar a cachorra. Eles não poderiam simplesmente seguir adiante e deixar uma mãe desprotegida. O homem caminhou em direção à mestiça, mostrando o frango.

A cachorra deve ter pensado: “Finalmente, alguma coisa para comer”. Mas não era só isso que o casal tinha a oferecer. Jacks conseguiu conquistar a confiança da pitbull, que comeu diretamente na mão do seu novo amigo.

Ela estava muito assustada. Apesar do tamanho, tratava-se de uma cachorra frágil. O casal pôde observar algumas cicatrizes, que denunciavam brigas ou maus tratos sofridos no difícil dia a dia nas ruas.

A alegria de uma cachorra grávida ao ver que está sendo resgatada
JACKS ANDERSON

Então, depois de um breve diálogo, Jacks aproximou-se decididamente da cachorra, que já se sentia confiante ao lado daquele humano desconhecido. O homem pegou a pitbull no colo e levou-a até o carro. Gentilmente, ele a colocou no banco traseiro.

“Percebi que ela tinha lágrimas nos olhos. Acho que nunca vi isso em um cachorro”. Contou Jacks mais tarde a uma equipe do The Dodo, site especializado em histórias sobre animais de estimação. O homem também estava muito comovido com a situação.

O resgate da cachorra foi gravado, desde o momento em que ela aceitou o frango frito, até a cena mais emocionante, em que a peluda é carregada no colo e embarcada no carro. A atitude da mestiça realmente cativou o casal.

De casa nova

Naquela tarde, Jacks e a mulher voltaram para casa com uma hóspede inesperada. Eles pretendiam apenas encontrar um lugar para apoiar a cachorra na reta final da gravidez e no parto, mas Poppy – este é o nome da peluda – conseguiu conquistar os corações dos novos pais.

A alegria de uma cachorra grávida ao ver que está sendo resgatada
JACKS ANDERSON

Jacks levou Poppy ao veterinário, onde a cachorra recebeu tratamento para vermes e pulgas – ela estava infestada. De modo geral, no entanto, a saúde da pitbull era boa e ela só precisava de sossego e tranquilidade para ter os filhotes.

Nos primeiros dias na casa nova, Poppy dormiu praticamente o tempo todo. Ela devia estar exausta, depois de perambular por tanto tempo pelas ruas, ainda mais com uma ninhada na barriga. Somente depois de uma semana é que ela começou a interagir com os outros cães de Jacks e também passou a segui-lo por toda a parte.

Poppy se adaptou totalmente ao novo lar. Ela passou a brincar com os irmãos, tirar sonecas com os tutores e aprendeu rapidamente as regras da casa. Finalmente, chegou o momento mais esperado por todos: o parto.

Poppy teve cinco filhotes, todos com características da raça pitbull. Eles estão sendo amamentados e recebendo os primeiros cuidados. Os bebês ficarão com a família Anderson até que sejam desmamados e possam ser encaminhados. Jacks pretende encontrar pessoalmente os tutores para todos eles.

Poppy, por sua vez, não terá mais de se preocupar com sobras e restos: ela conquistou um lugar definitivo na casa nova. Depois do desmame, ela será castrada, mas ficará com Jacks e a mulher por todos os dias da sua vida.

Postagens Relacionadas