Ele havia sido negligenciado por seus antigos donos e depois covardemente rejeitado.

O beagle foi abandonado por seus donos quando estava pesando 40 quilos. Eles não o quiseram mais, pois estava muito gordo e velho, mesmo estando apenas com 7 anos. Ele permaneceu no abrigo, na Califórnia, durante um mês. Depois, alguns voluntários de um abrigo de Los Angeles resgatou o beagle, chamado Darwin, para cuidar dele. Eles ficaram chocados com a condição física do cachorro. Provavelmente ele tinha sido negligenciado por toda a vida.

beagle-obeso-abandonado-1

Ele mal conseguia andar. Seu peso era duas vezes mais do que o recomendado. Ele poderia sofrer por insuficiência cardíaca e outras complicações a qualquer momento. Os voluntários não conseguiam compreender o motivo de seus antigos donos o ter tratado tão mal, pois ele era um cão muito doce. A equipe toda se reuniu para lhe dar amor e atenção, e lhe dar melhores condições de vida.

Ele foi diagnosticado com câncer na tireoide, e foi encaminhado para tratamento de obesidade. De acordo com os veterinários os beagles são suscetíveis ao ganho de peso, pois eles amam comida e não conseguem parar de comer. O fato dele ser sedentário agravou o seu quadro de saúde.

Depois de várias semanas no hospital veterinário, Darwin foi para um orfanato, onde os exercícios foram sendo introduzidos aos poucos em sua rotina diária. Ele também sofria de angústia de separação. Sempre que ficava sozinho ele latia e uivava muito. A equipe de resgate se recusou a desistir do cão, investindo em seu tratamento e recuperação.

beagle-obeso-abandonado-2

Darwin trabalhou com visitas terapêuticas em penitenciárias na Califórnia. ele aprendeu a se socializar, bem como comandos básicos como sentar, ficar, levantar, esperar, caminhar. Todos ajudaram o cão a superar seus problemas de ansiedade e ganho de peso. O cachorro perdeu 11 quilos no período de 10 meses. Agora ele está muito sociável e equilibrado.

beagle-obeso-abandonado-3

O seu tratamento permitiu com que ele construísse confiança e poder ficar sozinho, sem sentir medo. Darwin se transformou em um cão totalmente diferente, tanto física como psicologicamente. Agora ele consegue correr, brincar e até saltar. Se ele não tivesse sido resgatado, com certeza teria morrido, sem cuidados e sem amor.

No momento ele está esperando que uma família o adote, para que ele possa finalmente curtir a vida em paz. Todos afirmam que ele é uma verdadeira história de sucesso.


1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui