Cadela deficiente é abandonada, mas encontra a vontade viver em um novo lar

Por: em

Mas a história tem um final feliz. A cadela deficiente abandonada encontrou um novo lar. 

Uma cadela deficiente chamada Lunita foi abandonada na Argentina, em frente a uma pet shop. Os antigos tutores ainda deixaram a cadeira de rodas e um pacote de fraldas. O fato ocorreu em Salta, cidade do noroeste do país. 

O animal estava amarrado a uma cerca, sem água nem comida, e mal conseguia se mexer. Ao lado de Lunita, foi deixado um bilhete com o nome e idade da cachorra. O autor anônimo escreveu ainda que não era dono da cachorra e não tinha condições de ficar com ela. 

cadela-deficiente-e-abandonada

Felizmente, um transeunte observou o animal maltratado e entrou em contato com a Lu.B.A., uma entidade local de proteção dos animais. Uma equipe de resgate deslocou-se para o local e levou Lunita para a clínica veterinária. 

O resgate 

Os médicos diagnosticaram que Lunita, uma bela cadela branca, mas muito fragilizada, estava infestada por vermes e tinha uma infecção urinária. Ela ainda estava com sarna e tinha assaduras em função do uso de fraldas. 

Apesar dos esforços empreendidos, a equipe da Lu.B.A. não conseguiu encontrar os tutores irresponsáveis que abandonaram a cachorra. A ONG publicou fotos e a descrição de Lunita em sua página no Facebook. 

Cadela deficiente é abandonada, mas encontra a vontade viver em um novo lar

Em pouco tempo, muitas pessoas se interessaram pela história da cachorra abandonada. Foram diversos os contatos para adotar Lunita, e o abrigo selecionou uma família americana para receber a cachorra, que finalmente pôde contar, por alguns meses, com tutores amorosos e um lar seguro e acolhedor. 

A cachorra passou momentos mesmo depois de chegar aos EUA. Ela reagiu bem durante o bom, mas a infecção urinária ainda não estava controlada, como os novos médicos constataram. Além disso, as alergias provocaram queda de pelo: Lunita ficou carequinha do abdômen para baixo, inclusive a cauda e as pernas traseiras. 

cadela-deficiente-e-abandonada

Mas quem viu as imagens da cachorra abandonada em Salta, sem forças para ao menos se levantar, e dos primeiros registros na casa nova, não consegue acreditar no milagre que alguns meses de convivência com uma família amorosa e ajustada produziram. Lunita recuperou a alegria de viver, divertiu-se muito, brincou e conquistou um lugar cativo no coração dos novos tutores. 

A nova família de Lunita chegou a postar fotos da cachorra comemorando o seu 11º aniversário, com direito a bolo de cachorro, enfeites e muitos presentes. 

cadela-deficiente-e-abandonada-1

Alguns meses depois da festa de aniversário, Lunita morreu. Hoje, ela vive no céu dos cachorros. A tutora fez questão de declarar à imprensa: “Eu a amava muito; ela mudou a minha vida para sempre. Sinto que parte da minha alma também morreu”