Estava tão emaranhado que não dava para saber se o cachorro era macho ou fêmea.

O cachorro da raça collie foi encontrado em um pátio ferroviário em Chicago, nos Estados Unidos, escondido debaixo de muitos pelos cheios de nós. Ele estava assustado, sendo difícil de ser resgatado. Foi alimentado pela população até que a Fundação Animal Trio conseguiu salvá-lo.

O cão estava muito sujo. Havia fezes secas, urina, galhos e folhas secas. As patas traseiras estavam presas nos pelos, dificultando até o andar do animal. Precisou de muitos banhos para que ficasse realmente limpo. O cachorro ficou visivelmente aliviado depois que foi tosado. Só depois disso é que descobriram que era um macho. Ele foi medicado e examinado por veterinários, que constataram que ele estava com parasitas.

collie-pelos-1

O tipo de parasita encontrado se chama Dirofilariose canina, também é conhecido como verme do coração. O cachorro precisou ser internado e acompanhado, pois a morte dos vermes também pode ser um risco para o animal, já que seus restos mortais ficam nas veias, podendo entupi-las. Assim o cão corre o risco de sofrer uma embolia pulmonar. Felizmente ele foi bem assistido e até o momento está respondendo muito bem ao tratamento.

collie-pelos-2

O cachorro era muito tímido e não tinha um comportamento típico de um bicho saudável, como latir, abanar o rabo, ou demostrar felicidade. Com o tempo ele passou a se sentir melhor e demonstrar afeto por seus novos cuidadores. Antes ele via todos como uma ameaça, agora já os reconhece como seus salvadores.

collie-pelos-4

Felizmente ele encontrou uma família que o adotou, e lhe deu nome de Freight. Eles custearam todo o tratamento do bichinho, dando muito amor e carinho. O cão reconheceu tudo que foi feito, devolvendo estima como forma de gratidão. Não se sabe como ele foi parar nas ruas e chegar ao ponto que chegou, mas ainda bem ele encontrou pessoas de bom coração que se empenharam em resgatar e cuidar dele.

collie-pelos-3

[sociallocker id=”5398″]

A equipe de veterinários postou no Facebook todo o acompanhamento do tratamento do animal e declarou que não há nada mais gratificante do que receber o carinho de um animal que foi cuidado por eles. Todos notaram a diferença de comportamento do animal, que deixou de ser medroso e assustado e passou a ser carinho e feliz.

collie-pelos-5

collie-pelos-6

collie-pelos-7

[/sociallocker]

E você já resgatou algum animal de rua? Conte nos comentários.


34 COMENTÁRIOS

  1. Já resgatei sim! Eu era uma criança. Fui comprar pão e vi muitas pessoas olhando para um córrego e como criança, acho que mais ou menos entre 8 e 9 anos, fui também. Para minha tristeza era um saco amarrado com um filhote de cachorro. Não pensei duas vezes entrei no córrego e resgatei o cachorrinho. Perdi o pão e o troco em dinheiro. Quando cheguei em casa levei umas surra e fiquei de castigo, mais fiquei com o filhote que era uma cachorrinha bem branquinha que eu dei o nome de Surama. Foi o melhor cão de guarda que minha família já teve e também a mais educada de todas. Sinto saudades, tempos de felicidade.

  2. eu resgatei diversos
    atualmente tenho 4 resgatados por mim na Ilha de Guaratiba – RJ e eles estão com dirofilariose também.. o mais difícil é que não tenho como obter ajuda p os medicamentos…
    com fé em D-us espero q os caninos aqui de casa também possam ficar bem…

  3. Todos os meus animais, alguns já falecidos,foram pegos na rua e tratados com muito carinho e amor. No momento, resgatei uma gatinha preta de olhos verdes e mandei castrá-la. Ela é muito agradecida, saiu da rua para minha cama, emocionante vê-la deitada, suspirando, se sentndo segura e amada. Não sei com algumas pessoas têm coragem de maltratar os animais.

  4. achei uma poodle na rua suja e fedorenta hoje mora comigo dorme na minha cama e é um amor de criatura, a ex-dona a colocou na rua porque um cão sem raça definida pulou o muro da casa dela e cruzou com a cachorrinha ela então com raiva a colocou na rua com coleira e tudo, mas para mim foi gratificante pois logo depois digo 5 meses perdi meu marido ( 40 anos ) e ela substitui o meu grande amor

  5. Minha vida toda tive cães e gatos, ao mesmo tempo. Todos resgatados da rua e se acostumaram uns com os outros ficando muito amiguinhos. E viveram a vida toda comigo, só me abandonando quando viraram estrelinhas no céu…..

  6. No dia 01/07/16, resgatei 3 gatinhos muito assustadinhos perto de casa! Levei ao veterinário , que nem me cobrou a consulta e deu o vermifugo de graça! Dois já foram adotados por boas famílias!

  7. Tenho 8 cães todos resgatados da rua…o ultimo,um cooker macho estava deitado na entrada de um mercadinho com 2 tigelinhas..de agua e ração e perguntei se era do dono do mercado e me disseram que tinha sido abandonado naquela madrugada e que ele era cego das duas vistas..e assim foi o oitavo que esta comigo em casa.Tenho tres machos e cinco femeas todos castrados e vivendo em harmonia…

  8. Minha filha foi trabalhar cedo viu um cachorro deitado num canteiro da estrada,quando retornou do trabalho o animal ainda estava lá, pessoas passavam olhavam e diziam que tinha sido atropelada, estava formando uma tempestade ela e o noivo trouxeram pra casa no colo, parecia com dor e muito assustada, consegui dar um remédio pra ela, não queria mais animal pois tinha perdido uma cadela muito querida, minha filha entrou em contato em vários lugares e nada até na zoonose, eles vieram retirar mas dizeram k se levasse iria sacrifica-la, final da história ela me adotou é um amorzinho d criaturinha e ainda por cima não mexe nas minhas plantinhas a amo demais e ela a mim com certeza tem aquele olhar de gratidão muito linda minha mel.

  9. E gratificante ler pela manhã quantas pessoas acolhem cuidam de criações abandonadas,Eu também só tenho criações que foram abandonados,Ficam comigo o tempo todo até virarem estrelinhas.Amo os animais.

  10. Sim, eu e minhas colegas de trabalho recolhemos dois, um casal que vinha sempre comer na porta do meu trabalho. Colocamos água e ração para os cães que ficam na rua. Estavam repletos de carrapatos, castramos e estão comigo, mas preciso doa-los pois já tenho 4. Estamos tratando da doença do carrapato. Eles eram muito ariscos, hoje ficam no colo. Se não tivéssemos recolhido teriam morrido. São muito queridos!

  11. Hoje tenho 4 cachorras 3 poodle ganhei July que teve uma unica cria veio 9 filhote fiquei com belinha que teve uma cria de 3 filhote e fiquei com maia e o meu resgate foi lilika uma boxer abandonada por ser muito destruidora ela tinha 4 meses achei cambaleando na rua magra anêmica nao tive duvida peia no colo e levei pra casa estava desempregada conversei com um amigo que é veterinário ele me deu uma dicas pra cuidar da anemia hoje ela esta com hoje ela esta com 4 anos é tao mimada como as pequena e eu apaixonada por elas cada uma com seu temperamento

  12. Eu já resgatei vários. Limpava o pelo com a tesoura, dava banho, comida e levava até para dar vacina nas campanhas. Só que eles não queriam ficar presos. Todos os dias entravam na minha garagem para comer, dormiam e depois queriam ir pra rua.

  13. Que bom que tem tantos com muito amor para dar!
    Faço parte deste time.
    em um dia, minha filha encontra uma gatinha magerrima, arisca, preta como carvão…conclusão, mora com ela em seu quarto e é sua paixão e seu elo com a sociedade, ja que em depressão, se agarraram.
    Porque so no quarto????
    Porque euzinha, chegando em casa, um cachorro lindo, fofo, correndo de um lado para outro…ohhh esta perdido!!! Tadinho!!! Seu dono deve estar louco a sua procura…ledo engano.
    Procurando nos sites, encontramos…mas quando fomos falar felizes em poder dar a boa noticia, ou o que acreditavamos ser , a infeliz ate apagou seu face. Disse que não o queria mais. Que o devolvesse para a APA, de onde tinha vindo. Como devolver aquele fofo, carinhoso, carente e fuuuujão. Conclusão…filha brava pq ele caça sua gatinha, todo o tempo, e como ja a pegou uma vez e quase matou, é uma guerra. So pode sair de seu quarto, pela janela, indo para o corredor que agora permanece fechado todo o tempo, para evitar o pior. Ao sairmos, o quarto fic trancado a chave, para evitar que o fofo abra a porta, pq alem de todas as qualidades, é inteligente como o que. Ahhhhh antes de chegarem estes dois adotados, (na marra) Ja tinha a minha Lili…uma pelada africana, e uma gata tambem preta e salva do esgoto carregado de sarna, hoje linda e expulsa de casa pelo fofo, ao qual demos o nome de Janjão (fujão rsrsrs) Foge pelas grade da janela de meu quarto, e depois pela grade do jardim. Antes, um vizinho aposentado o trazia de volta sempre, agora ja não precisa, ele volta sozinha, refaz o caminho da fuga e bate na porta. Se alguem quiser adota-lo…por favor, é so jurar e provar, que vai cuidar dele melhor do que eu , posso faze-lo, por favor entre em contato. 17-991769776…isto pq ele tem que ter cuidados como tosa, e banhos, que neste momento estou sem condições.

  14. Já resgatei e resgato, também alimentamos os gatinhos de rua, uns 12 animais, cuidamos, alimentamos co ração premium, castramos. Atualmente temos em casa 8 cães, 5 gatos e 1 pomba, todos resgatados.

  15. Sim já resgatei um cãozinho abandonado na praça em frente ao meu local de trabalho. Andava de um lado para o outro sem destino, maltratado por muitas pessoas ; tinha uma coisa feia por cima do pelo. Fazem dois anos que ele está comigo, dei todas vacinas e está lindo; ele é preto com patinhas amareladas, muito bonito e amigo e se chama Cyganno, pois era nômade e não tinha destino; simplesmente amo animais. Que Deus me dê força e coragem para cuidar dos animais que precisam de ajuda. Existem almas nobres para alcançar e cuidar esses seres indefesos.

  16. Sim, há uns 3 anos atrás, apareceu na minha rua, em frente à minha casa, tinha que ser rs, uma cachorra muito estressada, que estava no cio e todos os cachorros do bairro apareciam para cruzar com ela. A coitada estava num estado lastimavel, já nao aguentava nem mais andar, pois os cachorros grudavam nela e saiam arrastando a pobre, as almofadinhas das patinhas estavam ate esfoladas, ela se arrastava sem poder caminhar e tambem para nao se expor mais para os cachorros. Enfim, ficou nisso por uma semana, quando decidi e comecei a tentar traze-la para dentro da minha casa, sendo que já tinha 2 cachorros.Foi uma luta, pois ela nao confiava em ninguem, muito traumatizada, tive que dar varias doses de calmante para animal, para ela se acalmar e assim pude leva-la imediatamente ao veterinario para castra-la. Entao quando a trouxe para casa, disse para mim mesma e para todos que ficaria com ela ate somente a recuperaçao da cirurgia. Agora, ja fazem uns 3 anos ou mais que ela está conosco fazendo parte da turminha de animais, que eu amo tanto.

  17. Parece que onde moro os cães informam uns para os outros o endereço aqui de casa para atendimento aos necessitados. São muitas histórias.

  18. ESTOU COM VINTE E DOIS…CADA UM COM UMA HISTÓRIA TRISTE,DEPLORÁVEL E COMOVENTE…MAS O MAIOR PROBLEMA DE TODOS,É EM MINHA VIDA…PRECISO DE AJUDA PRA MANTÊ-LOS FELIZES ATÉ DOÁ-LOS E NINGUÉM ME AJUDA.
    NEM FAMÍLIA COMPREENDE.
    FORA AS EXCEÇÕES,PESSOAS DESUMANAS!

  19. Tenho 09 cachorros resgatados de rua (uma, infelizmente sumiu)!
    São dois machos e seis fêmeas! Adoro eles! Tenho mais 04 gatos, todos de rua!

  20. Sim já adotei, a Jully que está com 12 anos agora já idosa, estava na rua não sabia nem comer, comviveu com uma Husky siberiana que a adotou, ciumenta!!!!!!!!. E agora adotei a Brenda que também foi abandonada, com sarna e tudo mais, hoje é a paixão de minhas netas, linda , brincalhona e muito amorosa, adora uma bolinha rsrsrs. Amo muito minhas meninas.

  21. Tenho quatro cachorras.
    Elas dormem dentro de casa com esse frio.
    Mais era um dia de verão, e a Mileite estava no quintal e começou a latir fui ver
    Chegando perto do portão vi uma cachorrinha toda suja e no cio tinha cinco cachorros com ela
    o que fiz abri o portão enfrentei aqueles cachorros peguei ela
    e mandei ao Pet castrei e uma moça apareceu e pediu ela e levou hoje esta bem em um lar limpa com comida e uma caminha quente vou sempre ver ela.Adoro animais

  22. Boa noite, eu já resgatei muitos, pois fui morar em um lugar onde haviam muitos animais abandonados e por ver tanto sofrimento eu me tornei protetora independente e resgatava ou cuidava na rua mesmo até a adoção do mesmo, resgatei doentes, medrosos e perdi alguns, a doença me venceu, mas doei muitos e fico feliz, outros não entenderam que eu queria ajudar e fugiram como um lhasa apso, e isso foi durante 7 anos, até que entrei em depressão por não conseguir judar a todos, e obrigada pela oportunidade,

  23. CADÊ O PORÓ? PERDEU-SE NA TRILHA DE FRIBURGO-TERE, TRÊS PICOS E VALE DOS FRADES, POR ALI. O SEU HELP É IMPORTANTE. O PORÓ É UM DACHSHUND COM VIRALATINHAS, NEGRO COM UMA MARCA BRANCA NO PEITO: PARECE BOTAFOGO! FUGIU PRA ACOMPANHAR OS TRILHEIROS MAS NÃO VOLTOU. TINHA UMA COLEIRA DE COURO SEM IDENTIFICAÇÃO; A SUA AJUDA É IMPORTANTE, SENTIMOS MUITO A SUA FALTA !!!

  24. Resgatei 3 cachorrinhas, uma de cada vez, sou apaixonada por srd, populares vira latas, e a terceira em especial com uma das patinhas mutiladas. Mas são meus amores.

  25. SIM, já resgatei vários cuidei e arrumei pessoas que os adotassem. Mas um em especial a quem dei o nome de Fred, é um Labrador que chegou em minha casa, acho que tinha uns 3 meses acidentado cheio de bichos, a gente via os ossos, nervos em uma condição que imaginei que não aguentaria. Tinha muito medo, sentia dores absurdas e eu não tinha condições de pagar um veterinário. Mas com coragem fui a uma loja veterinária, expliquei o que queria por intuição mesmo, cuidei com muito amor e carinho de meu Fred, hoje está com oito anos comigo,muito saudável, só falta falar, extremamente inteligente, pede seu café da manhã (pão) e tem que ser quentinho, depois é que come sua ração. Muito lindo..E assim na medida que posso adotando mais cães de rua abandonados, vou cuidando e repassando para outros (as) pessoas que realmente amam e cuidam e sei que não vão abandoná – los a própria sorte. Tenho um amor profundo por animais, estou quase me aposentando e aí quero me dedicar mais a eles. Beijos a todos vocês guerreiros que lutam por esses lindos e desprotegidos amigos nossos.

  26. Eu sim, todos os cães que já tive foram cães que foram abandonados, agora estou com duas cadelas também que trouxe da rua a Teka e Laika. E uma gata gata também abandonada a Tiuyla.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui