A polícia espanhola disse adeus a um cachorro de trabalho em uma cerimônia emocionante.

O escritor espanhol Arturo Pérez-Reverte comoveu milhares de pessoas no sábado ao postar uma foto de uma cachorra morta depositada sobre uma cama de flores e coberta com o uniforme da polícia.

A cachorra Blanca, uma fêmea de pastor alemão, morta aos dez anos, foi enterrada com os seus pertences, em uma cerimônia assistida por diversos oficiais.

Os colegas humanos de Blanca descreveram a cachorra: “não era apenas uma colega de serviço, mas uma amiga leal”. O corpo do cão policial descansou em uma cama de flores brancas, depois que ela passou alguns anos cumprindo as suas funções.

não era apenas uma colega de serviço, mas uma amiga leal

Cão policial tem funeral emocionante com seus brinquedos

Blanca, a cachorra policial

Blanca foi incorporada às forças policiais de Girona em 2017. Ela era a parceira (ou binômio, palavra usada no jargão policial) do agente Narcís Romero, que a adotou em um abrigo e treinou-a para detectar entorpecentes.

A cachorra policial participou de mais de cinco mil ações e foi responsável pela prisão de 70 suspeitos de traficar drogas ou consumi-las em vias públicas de Girona. Blanca também ajudou a identificar plantações ilegais de maconha e participava de atividades de conscientização em escolas da cidade.

Em 2018, a cachorra recebeu a Medalha de Mérito para Cachorros, pelo conjunto dos trabalhos prestados. Em agosto de 2019, ao sete anos de idade, Blanca se aposentou do serviço policial e foi morar na casa do agente Romero.

O dia a dia

Muitos cachorros são exaustivamente adestrados por forças policiais no mundo inteiro. Eles são empregados nas rondas rotineiras, em buscas por entorpecentes e também para tentar localizar pessoas perdidas.

A maioria da população não se dá conta, mas a presença de cães nas forças policiais aumenta sensivelmente a segurança nas ruas. Em função da inteligência, força e agilidade, eles são responsáveis por identificar suspeitos, retirar de circulação grandes quantidades de drogas, resgatam vítimas de acidentes e calamidades públicas, etc.

Além disso, muitas vezes eles salvam os colegas humanos de perigos que não conseguimos detectar com eficiência. Dotados de fato extremamente apurado, os cães policiais percebem uma pessoa armada ou carregando drogas a metros de distância.

Cão policial tem funeral emocionante com seus brinquedos

No dia a dia, no entanto, estes oficiais de quatro patas não são encarados como instrumentos de trabalho. Eles não são apenas úteis, são companheiros da difícil rotina policial. Os tratadores – o pessoal especializado dos canis e os parceiros humanos – sempre estabelecem vínculos de afeto, amizade e confiança. Não é à toa que os cachorros sempre foram os melhores amigos do homem.

A despedida

Blanca morreu em março e os colegas de serviço organizaram um velório digno da fidelidade e inteligência da pastora alemã. O animal descansou entre flores brancas, enquanto era visitado pelos policiais, e foi enterrado com brinquedos e objetos de trabalho. A homenagem foi revelada pelo escritor espanhol.

Os cães policiais encaram a rotina como uma atividade lúdica desenvolvida com os seus parceiros humanos. Procurar drogas, por exemplo, é algo semelhante a procurar um brinquedo escondido pelo tutor. Ao encontrar, eles ganham recompensas. Por isso, a amizade se desenvolve no dia a dia e fica para sempre.

Nas redes sociais do escritor Pérez-Reverte e das forças policiais de Girona, foram publicadas notas sobre o falecimento e sepultamento de Blanca. Diversos policiais, inclusive de outras cidades, postaram comentários sobre a perda. Cidadãos civis também registraram as condolências pela perda do pastor alemão, tão útil para a comunidade.

Muitas mensagens, publicadas no Twitter @FuerzasDelOrden ajudam a entender a importância do trabalho de Blanca e de outros cães policiais:

“Obrigado, Binômio, por cumprir a missão de cão policial até o fins dos seus dias. Sem dúvida, você transformou as relações e hoje é uma inspiração para os treinadores.”

“Saiba que o seu trabalho é muito importante e muitos outros cachorros que se tornarão os novos policiais de quatro patas aprenderão com o seu exemplo.”

“Este é um trabalho que os cachorros não escolhem, mas que desempenham com diligência e muito amor.”

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui