Posso dar dipirona para meu cachorro?

Posso dar dipirona para cachorro? Existem medicamentos específicos, mas é possível aliviar a dor dos cachorros com dipirona.

A dipirona, também conhecida como metamizol, é empregada para o tratamento da dor em humanos desde 1922. É uma droga de fraca ação anti-inflamatória, mas oferece grande alívio para a dor. Também tem ação antipirética e espasmolítica, sem contraindicações. Pode ser ministrada também para os cachorros, na dose correta.

dar-dipirona-cao

O medicamento é indicado em casos de dor leve e moderada, especialmente quando está associada aos tecidos moles, espasmos da musculatura lisa (dos órgãos internos, como estômago e bexiga) ou cólicas do trato urinário. Em casos mais graves, a dipirona pode ser administrada juntamente com analgésicos opioides, sempre com a supervisão de um veterinário.

A dor é considerada o quinto sinal vital em pacientes humanos (não há como mensurar este fato em cachorros). É uma experiência sensorial e emocional desagradável, associada a um dano real ou potencial. Enquanto a dor aguda é um sintoma, a dor crônica se configura como a própria doença. Independente do estímulo que a gera, no entanto, a dor é sempre prejudicial.

A metabolização da dipirona é hepática e a excreção, renal. O dono do cachorro que está sendo medicado precisa ficar atento para o surgimento ou agravamento de sintomas nestes órgãos. As doses de dipirona exigem cuidado especial no caso de cães idosos, debilitados ou submetidos a tratamento medicamentoso por períodos prolongados.

Efeitos colaterais da dipirona para cachorro

O uso da dipirona nos tratamentos veterinários ainda exige mais estudos científicos, mas, até onde se sabe, trata-se de uma droga segura e eficaz para cachorros e também para gatos. É importante seguir a orientação médica e evitar as overdoses, mesmo que o animal demonstre estar sofrendo. Os horários precisam ser respeitados.

A dor deve ser tratada porque ela provoca complicações respiratórias, cardiovasculares e digestórias. Muitas vezes, estes desdobramentos da doença são confundidos com efeitos colaterais, mas estes de apresentam de forma mais discreta e a ação benéfica da dipirona quase sempre compensa os pequenos incômodos.

Os efeitos secundários, na imensa maioria das situações, podem ser combatidos sem necessidade de interrupção do medicamento. Mesmo assim, a avaliação é necessariamente individual: a dose indicada para o cachorro do vizinho pode se tornar prejudicial para o seu animal de estimação, mesmo que eles tenham idade e porte semelhantes.

Dipirona para Cães: A dose certa

O único cuidado a ser tomado é não extrapolar a dose receitada. No médio prazo, o cachorro pode sofrer com anemia hemolítica (destruição das hemácias), desenvolver uma intoxicação; os sinais são salivação excessiva, vômitos e estado febril.

A presença de sangue no vômito, as diarreias frequentes e alterações neurológicas (como convulsões) indicam que a dosagem foi excessiva. Trata-se de uma emergência veterinária.

Este é mais um motivo para evitar a automedicação (em humanos e caninos). Apenas profissionais de saúde estão habilitados a verificar as condições orgânicas e receitar a medicação correta e a posologia adequada.

O remédio errado ou excessivo pode ser responsável por úlceras gástricas e do duodeno, alergias e gastrites. Em alguns casos, a automedicação apenas mascara os sintomas de diversas doenças, podendo trazer complicações mesmo no curto prazo. Muitos proprietários perderam seus cachorros por não observar esta regra básica.

As intoxicações por dipirona são mais comuns em cães de pequeno porte, como maltês e yorkshire, mas as raças collie, pastor de shetland, border collie, sheepdog, bearded, collie pastor australiano e todos os seus cruzamentos também são suscetíveis ao desenvolvimento de problemas.

Como dar o remédio

A dipirona para cachorro é um medicamento administrado por via oral, diretamente na boca, diluído em água, suco ou leite. A dosagem recomendada é de uma gota por quilo de peso do animal, até o limite de 35 gotas (a cada quatro ou seis horas), mas o veterinário pode alterar a receita, de acordo com os resultados de exames clínicos e laboratoriais, reduzindo a dosagem – às vezes, de maneira drástica.

Dar remédio para cachorros, no entanto, não é uma tarefa simples. Pingar oito ou dez gotas diretamente na boca, sem desperdiçar delas nenhuma enquanto o animal se debate e faz de tudo para se afastar, é um prodígio que poucos conseguem realizar.

Caso o cachorro não tiver nenhuma restrição na dieta e o veterinário confirmar que a dipirona pode ser dada com a comida, a melhor maneira é misturar o medicamento com ração enlatada, que já é úmida. Proceda assim: ofereça uma pequena porção de ração sem adição do remédio e, nas horas seguintes, dê pequenas porções com o medicamento. Desta forma, não haverá desperdício se o animal não comer tudo e a dosagem correta estará garantida.

Alguns cães, no entanto, rejeitam as rações enlatadas. Neste caso, é preciso montar uma “operação de guerra”: coloque a dipirona em uma ampola e posicione um animal contra um anteparo (móvel ou parede), de modo que ele não consiga fugir.

Atraia-o com voz animada. Se você não parecer preocupado, o cachorro não terá motivos para se preocupar. Pegue a seringa e segure o focinho do animal, levantando suavemente para cima, com a cabeça inclinada para trás. Posicione a seringa na lateral da boca, entre os dentes e a bochecha.

É preciso administrar a dipirona lentamente, de acordo com a capacidade de deglutição do animal. Se o medicamento for aplicado de uma só vez, é possível que o cachorro tenha uma crise de vômito. Em geral, os cães cospem as últimas gotas do remédio, mas isto não é motivo de preocupação (a menos que ele não tenha engolido quase nada).

Uma boa dica é esfregar suavemente o nariz, para estimulá-lo a engolir com mais facilidade. Termine a aplicação com afagos e brincadeiras, para que o cachorro não associe o medicamento como sendo um castigo.

28 Comentários

Deixe um comentário
  1. Fiquei um pouco preocupada, pois eu já dou dipirona ao meu cachorro a mais de um ano frequentemente. Ele tem osteoartrose e eu achava que estava aliviando as dores e facilitando sua caminhada, ele tem 13 anos é um pastor. Apesar de tomar condroitina, e omega 3.

    • Bom estou aqui somente para dizer que hj as 5:00 da tarde minha cachorrinha Mel da raça shiuwawua com pikines foi atropelada e quebrou as perninhas de trás ela está muito mal com hemorragia interna e sentindo muita dor já dei compressa de gelo massagens com o BOM MÉDICO e já dei dipirona ela tomou facilmente para esperamos notícias boas dela mas estou dizendo isso para se vcs tiverem alguma dica para me avisar estou a todo ouvidos obrigada

  2. Tenho uma pinscher de 10 meses amora o nome dela… ela tomou a vacina ja com atrazo pois era Pra tomar aos 4 meses tomou a 3 dias e agora ta com a perninha sem conseguir colocar no chão mesmo administrando comprexa de gelo e ela ta aparentando ter febre e dei 5 gotas de dipirona com pouca agua mais ja contando que não engoleriaa tudo, pois to achando que ela ta com febre ?pois ela ta quetinha e tremendo como se fosse calafrios e ele pesa pouco de 1kg.. agora to com medo de ter dado a guantidade errado e ter dado de mais pra ela??

  3. Bom são 03:42 da manhã e mha Cachorrinha só geme d dor d ouvido! Levei na veterinária ela deu dipirona pra dor e mais nada! Pois não deu nada no exame! Mdo esperar ate sexta feira! C nao melhorar pra voltar la! Agora to aq acordada pq ela coca a orelha e geme! E a dipirona parece não ter feito efeito algum! Já pinguei um remedinho! Já dei um antiinflamatório (zelotril) já fiz compressa quente com a fralda mais tá difícil! Ela não consegue dormir tadinha mto menos eu! QQ eu faço???

    • Ví que ja faz um bom tempo, mas tem uma pomadinha muito boa com um bico injetor Panalog, sara rapidinho, mas é necessário não deixar acumular muito pelinho no ouvido, geralmente no banho e tosa eles retiram, mas sempre bom pedir pois as vezes esquecem e qdo for fazer a limpeza do ouvido se usar algum produto no algodão, espremer bem antes pra que não deposite o liquido no ouvido.

  4. Olá tenho um Yorkshire de sete meses
    Ontem à noite ele começo a tremer e não é de friu e quando pego ele no colo dependendo do jeito ele grita
    Ele está com coco normal e não tem febre comeu hj mais só ficou deitado
    Queria saber se posso dar umas gotinhas de dipirona?????
    Pois acho que ele deve está com alguma dor

  5. Meu cachorro está comendo pouco e bebendo muita água e ele se encontra desanimado e triste o que pode ser ? Obs:a urina e fezes estão normais

  6. Muito preocupada gostaria de saber se pode dar dipirona para papagaio,se pode qual a dose? se não pode qual o remédio que pode dar . desde ja muito obrigada.

  7. Minha cocker tem 4 anos e passou o dia triste e com dor, na verdade acordou assim. Não podemos nem encostar nela direito. Ela não aguenta ficar em pé nem brincou o dia todo. E não lembro de ter acontecido alguma coisa que lesionasse ela. E está um pouco quente. Mais esta comendo e bebendo normalmente é as necessidades físicas também está fazendo normal. O que faço?

  8. Meu yorkshire, já idoso, está em tratamento com seu veterinário. Ficou cego em função de cataratas. Nesta semana caiu da varanda superior de minha casa duas vezes. Diagnosticado possível derrame no cérebro – em função dos sintomas – foi atendido no consultório e prescrita a medicação/reforço alimentar. Ontem por volta das 18 horas ministrei 10 gotas de dipirona conforme orientação do médico dele há muitos anos, face a dores e uivos de sofrimento. Agora mesmo, às cinco horas, depois de uma noite dormida, voltou a ganir. Tive a orientação de ministrar duas vezes por dia. Será que posso fazê-lo agora?

  9. minha cadela deu cria , e não sei se foi ao parir uma cadelinha, notei que uma cadelinha fica com o pescocinho ou melhor com a cabecinha o tempo todo para cima como se tivesse dado um jeito. Ela chora muito, e hoje amanheceu chorando bastante. Levei ao veterinário e ele pediu que ministrasse uma gotinha de dipirona, até que melhorou um pouco o chorinho. o que devo fazer ? Que tipo de medicação devo dar? Um anti-flamatório ela tem apenas dois dias de vida,

  10. Tenho uma cachorra com 3 anos que está com leite nas mamas e estão inchadas. Ela está desanimada, só fica nos cantos e a maioria das vezes só come na mão. Hoje cedo a vi e estavam mais inchadinhas suas mamas e quentes, porém seu narizinho não está quente. Ela não cruzou com nenhum animal, pois ela vive com 1 cachorro aqui em casa,porém castrado e nem sai pra canto nenhum. Só vive em casa e não há condições de se entrar nenhum cão, pois é alto. O que fazer nesse caso ? Existe algum remédio que eu possa dar a ela ou só novalgina para aliviá-la. Se puder, quantas gotas? Ela tem aproximadamente 3o kilos. É mestiça com rothewailer. Se chama “L A R A ” e é muito linda minha boneca. Detalhe: só a vi desse jeito ante-ontem. Aguardo notícias por gentileza. Muitíssimo grata.!!!!!

  11. Meu cachorrinho tomou banho durante o dia, ao entardecer ficou muito inquieto, chorando e lambendo suas partes genitais. São 02:00 eu e meus esposo estamos preocupados pois meu cão não consegue deitar -se, creio que seja algum problema em seu pênis. Será que eu posso administrar 1 comprimido de dipirona para aliviar o incomodo? Ele tem 5 anos pesa 25 kg.

  12. Bom tenho uma cachorrinha e ela está inchada não consegui andar direito e está sentindo muita dor não poder nem tocar nela que ela grita .
    Não sei o que fazer , você poderia me indicar algo que possa ajudar?

  13. Minha cadela shitzu esta com febre ela tem sete meses e eu acabei esquecendo de dar a vacina antirabica.Ela tambem teve muito carrapato mais ja tratei.Sera que a febre tem haver com algum desses dois motivos.?

  14. Olá Boa noite; tenho uma poodle pe quebra de 12 kilos com 14 anos está cega, há 3dias vem apresentando uns tremores , sede excessiva, está urinando de 2em 2 horas , isso é sinal de dor? Alguém pode me ajudar ?dei 5 gotas de alívio.

  15. Bom dia. Desde ontem meu pastor belga de 2 anos estar mancando. Ele é muito brincalhao e desde ontem ele estar quieto se escondendo e fica deitado direto.
    Levanta bebe agua e deita novamente no banheiro . Estou preocupada com meu filho. Sera que ele pode ter dado um mal jeito em alguma hora brincando ? Tenho muito medo de ser displasia. Tenho mais duas pastora alemao e os 3 quando solto brincam muito. Posso dar umas gotinhas de dipirona pra ele ??? 😰💔

    • Olá, o ideal é que procure um médico veterinário. Só ele terá a qualificação necessária para te orientar e tratar o seu cão da melhor forma possível. Boa sorte!

  16. Vcs poderiam me ajudar o meu esta cheio de carocinhos pelo corpo todo e nao sei mais o que fazer ele se coça muito ja dei remedio ja levei ao veterinário e ele me informou que era pq ele se molhava muito pq ele nao pode ver água que quer brincar ai passou um tratamento pra mim fazer com ele mais nao adianto nada ele ainda esta cheio de caroços me ajuda porfavor

  17. Minha cachorrinha está com for na cocha de tanto pular
    Eu viajei e deixei ela em casa acho que ela ficou pulando tentando sair mais isso calsou dor e ela agora não tá conseguindo subir nem no sofá
    Posso dar dorflex pra ela ela tem 1 ano e pesa 5kls

  18. Apareceu uma cadelinha abandonada na fábrica onde eu trabalho. Ela treme muito e não tem apetite. também tem remelas nos olhos. Que poderei dar-lhe para aliviar o sofrimento dela?

    Obrigado

    Gina

  19. Oi boa noite!!
    Estou muito preocupada, tenho um cachorrinho q tá com o culhão inchado e eu não sei oq fazer.
    Eu queria saber se eu posso dá dipirona pra ele, pois ele não consegue fik deitado..
    Gente preciso de alguma informação..😥😭😞
    Por favor!!!!

  20. Meus cachorros de vez em quando fica dando uns gritos bem fraco como se estivesse com dor eu acho que eles comeram muito que fazer para saber o que eles tem

  21. A MINHA CACHORRA DA RAÇA LHASA APSON FUI AO PET PARA DAR BANHO E FAZER TOZA HIGIENICA , fui fazer uma consulta a veterinária e na procedencia viu se que ela estava com 40 graus de febre e logo passou remédio para a febre e foi fazer enzame de sangue a veterinária furou a cadela por várias vezes e não conseguiu achar a veia dela , mandou que viesse no outo dia pela manhã, logo a cadela acordou melhor deixei para ir outro dia pela manhã fiquei com pena de ir no outro dia dei um intervalo de 1 dia para acalmar ela, porem dei uma dozagem de dipirona 10 gota ela esta com 10 quilos sentie ela febril.

  22. Meu cachorro tem 2 anos, ele esta com a perna quebrada, a veterinaria receitou dipirona pra dor mas por apenas 4 dias.
    Como ainda nao consegui a cirurgia, continuo dando dipirona pra ele, ele começou a vomitar e agora seu saco escrotal esta vermelho, é reação do remédio??

    Agradeço e aguardo resposta!!

    • Jhulle, é muito importante que leve seu cachorro ao veterinário, ele que pode analisar e dar o melhor diagnóstico. Obrigado pelo comentário.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *