InícioHistórias FelizesCachorrão decide que o melhor lugar para descansar é a cama de...

Cachorrão decide que o melhor lugar para descansar é a cama de seu irmãozinho

Este cachorrão não sabe o tamanho que tem: ele prefere dormir na cama do cachorrinho.

Este cachorrão não sabe o tamanho que tem: ele prefere dormir na cama do cachorrinho.

As imagens de um retriever do Labrador estão viralizando no Tik Tok. Vídeos de cães da raça são comuns nas redes sociais, porque os “labs” são realmente especiais: brincalhões, ativos e divertidos. Mas este cachorrão está chamando a atenção porque tenta dormir na cama do irmão, bem menor do que ele.

Os vídeos foram postados no perfil @Rerelucas76. Os posts, acessados por mais de quatro milhões de internautas, são acompanhados por legendas divertidas, como: “Todo mundo está dizendo que o meu bebê deveria ter uma cama grande só para ele” e “O grandão fica perguntando: ‘será que eu entro também? Acho que não’”.

cachorrao-escolhe-dormir-na-cama-do-cachorrinho

Grandes e pequenos

O tutor dos dois cachorros – um retriever do Labrador e um chihuahua – faz questão de explicar (como se fosse necessário) que o lab tem a sua própria cama, mas sempre tenta tirar umas sonecas na cama do pequeno.

Não há identificação do nome dos peludos, nem do local em que eles vivem, mas os vídeos são muito divertidos. o retriever do Labrador insiste em caber na caminha do chihuahua (até o momento, foram postados três arquivos diferentes), enquanto o pequeno parece inconformado com a “invasão”.

cachorrao-escolhe-dormir-na-cama-do-cachorrinho

Deve ser divertido conviver com esta dupla. Os retrievers do Labrador são expansivos, atléticos, intensos e bagunceiros, enquanto os chihuahuas tendem a ser mais tranquilos. Apesar de não serem violentos, os peludos mexicanos podem exibir a chamada agressividade defensiva: são animais pequenos e precisam garantir a integridade física.

No dia a dia, o contraste entre duas personalidades diferentes e até mesmo opostas pode até ser agradável. Com certeza, nas redes sociais, as diferenças entre o cachorrão e o cachorrinho estão fazendo a alegria de milhares de internautas.

Por quê?

Imagens de cães de grande porte tentando se “encaixar” em espaços minúsculos são divertidas e atraem a atenção. Por que um animal tão grande escolheria deitar-se em uma cama (ou almofada tão minúscula), mesmo havendo outras opções?

cachorrao-escolhe-dormir-na-cama-do-cachorrinho

Em geral, quando dois cachorros – um grande e um pequeno – vivem juntos, eles tendem a copiar algumas características, alguns traços de personalidade um do outro. Os nanicos passam a se mostrar mais fortes e resistentes, enquanto os grandalhões mostram-se mais gentis e serenos.

Todos os cães procuram segurança. Quem já passou uma noite em claro com um filhote apavorado por estar sozinho no mundo pela primeira vez sabe os milagres que podem ser realizados com uma almofada ou um bicho de pelúcia na caminha, para substituir o colo permanente do tutor.

Sentir a pressão do encosto nas laterais da cama (ou de um objeto qualquer, desde que seja macio e confortável) evoca, na memória dos cães, a segurança que eles experimentaram enquanto permaneciam ao lado da mãe e dos irmãos de ninhada – um lugar quente, seguro e tranquilo, já que as cadelas quase sempre procurar um local oculto e protegido para acolher os filhotes.

cachorrao-escolhe-dormir-na-cama-do-cachorrinho

Provavelmente, é isso que faz o retriever do Labrador tentar se apossar da caminha do chihuahua. Ele já observou que o pequeno procura a cama quando precisa se sentir seguro e defendido, e tenta imitar o comportamento.

E o chihuahua, ele expulsa o irmão da cama? Ele pode ser corajoso a ponto de desafiar um animal muito maior do que ele? Para responder a estas questões de maneira conclusiva, seria necessário estudar o comportamento dos dois peludos.

Mas, provavelmente, o que acontece é que o retriever do Labrador percebe que a caminha, em que ele teve tanto trabalho para se encaixar, é um lugar bastante incômodo para descansar. Por isso, ele desiste e cede voluntariamente o local para o irmão.

cachorrao-escolhe-dormir-na-cama-do-cachorrinho

O certo é que ele tentará se encaixar muitas outras vezes – e isto explica os vídeos registrados em momentos diferentes. O retriever do Labrador procura a segurança e o conforto que percebe nos cochilos do chihuahua.

É igualmente provável que o retriever do Labrador ainda esteja desenvolvendo a propriocepção (ou cinestesia), que é a capacidade de perceber as diversas partes do corpo e as interações entre elas. Enquanto ele não “conhecer o próprio corpo”, é natural que ele tente entrar em espaços pequenos, passar por frestas, etc.

Treinar a propriocepção é muito útil, especialmente para cães atléticos. Ela ajuda no controle do equilíbrio, na relação com o espaço e na manutenção do estado de alerta. Exercícios com movimentos diferentes, com texturas e formas diferentes, podem tornar os peludos mais ágeis, fortes e resistentes – independente do tamanho e da idade.

Amaury Almeida Costa
Amaury de Almeida Costa ([email protected]) é redator publicitário há mais de 30 anos. Escreve para diversos blogs desde 2008. Presente nas redes sociais desde a época do Orkut, foi editor da revista Animanews, sucesso editorial do final dos anos 1990, que trazia informações sobre pets – além de cães, gatos e aves, trazia informações sobre répteis, anfíbios, peixes e invertebrados de estimação.
RELACIONADOS

Últimas Publicações