O cão se tornou seu pai, protegendo e cuidando do seu amiguinho como um bebê.

Este filhote de pássaro teve uma vida difícil desde o seu nascimento. Graças a um cão gentil, chamado Rusty, ele teve a chance de um recomeço de vida abençoado. Jurgita, tutora do cachorro, o ouviu latindo e a chamando no jardim. Ele parecia muito curioso, por isso ela decidiu investigar e encontrou uma ave bebê.

cao-e-passaro-1

Ele tinha caído de uma árvore, e estava com o bico aberto, esperando comida. Ela o resgatou e colocou o nome de Birdie, fazendo de tudo para que ele ficasse vivo. Construiu um ninho improvisado em sua casa em uma planta e deu comida. Porém, com toda a hospitalidade o pássaro se afeiçoou ao cachorro, preferindo ficar ao lado dele.

A dona de Rusty acredita que ele deve ser muito fofinho e confortável. Toda vez que ela chega perto Birdie voa e depois volta a pousar no cachorro. Ele o abraça, e compreende que é um ser pequeno e frágil e não um brinquedo, tratando-o com o maior cuidado e carinho. Ninguém esperava que o cão seria tão gentil com o pássaro. Acredita-se que pensa ser o pai do passarinho para protegê-lo e cuidá-lo dessa maneira.

cao-e-passaro-2

Como todo pai, Rusty é bobão. A família que adotou o pássaro não tem intenção de prendê-lo em uma gaiola, e quer que ele volte a ser livre assim que ganhe forças para voar e viver por conta própria. Mas se ele decidir ficar todos ficarão imensamente felizes, principalmente Rusty.

Incrível ver o instinto paternal aflorar em alguns animais por outros de espécies diferentes. O comportamento esperado de um animal maior, como o cão, é querer brincar e acabar machucando, mas Rusty teve a sensibilidade de pedir ajuda a sua dona quando encontrou o bebê pássaro, e o tem tratado com muito cuidado desde o seu resgate.

cao-e-passaro-3

Essa é mais uma história improvável de acontecer. Jurgita nunca imaginou que isso poderia acontecer com seu cachorro. É mais uma prova de que os animais se sensibilizam pela dor do outro, oferecendo acolhimento, amor, carinho e atenção, não somente para humanos, mas para animais frágeis que precisam de ajuda.

cao-e-passaro-4

É importante que todos compreendam que o melhor para um animal selvagem é que ele fique solto, sendo cuidado apenas até se fortalecer. Isso não impede que a família continue com vínculo com o pássaro, caso ele queira voltar de vez em quando ou ficar de vez.


11 COMENTÁRIOS

  1. Tudo de bom pode se esperar de um boxe. O meu adotou uma gatinha da rua que chegou a nossa casa. Acabou virando a mãe da gatinha e ela só que comer a ração dele, embora tenhamos mais 4 gatos em casa e ração própria para alimenta-los.

  2. Eu adoro os animais eu gostaria de ajudar mas não sei como. Tb gosto de ver as brincadeiras dos animais mas não aguento ver animal, maltratado, abandonado, pois parece que eu estou sofrendo de dor com eles, então por favor respeite meu pedido.

  3. é interessante verificar como os animais ditos irracionais têm sentimentos desenvolvidos ao longo do tempo …já os humanos estão perdendo essa capacidade ao longo do tempo

  4. Isto mesmo. O cão, que adotou o pássaro tem seu mérito. Mas a gentileza da dona da casa foi incrível. Fez um ninho muito delicado em uma pequena árvore, de forma que o cão possa vê-lo de perto. Ela tem muita sensibilidade!

  5. Muito bonito de se ver!…Em casa,tbém resgatamos,há dois anos,uma cachorrinha abandonada á beira de uma estrada vicinal,não muito longe de nossa casa…Ela não deveria ter,nem um ano de vida,ainda e estava ferida,com a locomoção prejudicada,além de séria desnutrição…Trata-se de uma cadela SRD,pretinha que,hoje,desfila conosco garbosamente,sendo alvo de admiração e carinho das pessoas que conhecem sua hidstória!…Demos a ela o nome de ‘Tita’ e logo tratamos de lhe dispensar todos os cuidados necessários,inclusive com alguma ajuda profissional,conforme o caso estava a exigir…Tita se afeiçoou à sua nova família,tornando-se a caçulinha de todos!…Muito linda,saudável e esperta a nossa querida Tita!…Ficamos muito felizes com sua recuperação e desenvolvimento e sua alegre companhia em nosso lar!…

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui