Câmera flagra criança saindo da cama para brincar com o cachorro

A câmera flagrou um momento adorável: uma criança deixa a cama para brincar com seu cachorro.

Finn Knudtson é uma criança de apenas dois anos – é pouco mais do que um bebê. Ele adora brincar com Brutus, o seu fiel escudeiro desde sempre. Prova disso é um flagrante da câmera de segurança da casa, que mostra o menino saindo da cama apenas para brincar com o seu cachorro.

Brutus é um boxer branco que ama estar ao lado do seu companheiro Finn. Ele acompanhou a gravidez, os primeiros dias do bebê em casa e apaixonou-se imediatamente pela criança. As imagens do vídeo mostram que os sentimentos entre a dupla são recíprocos.

camera-flagra-crianca-saindo-da-cama-para-brincar-com-o-cachorro
DOGTOOTH MEDIA

Finn e Brutus

Paige Knudtson é uma jovem enfermeira recém-casada que mora em Richmond, na Virgínia (costa leste dos EUA). Pouco depois de descobrir que estava grávida de Finn, ela adotou um cachorro resgatado por um abrigo local.

A jovem mãe cresceu cercada por cães da raça boxer e sabe como eles são amigáveis e gentis. Quando encontrou Brutus, sabia que ele seria a companhia perfeita para o bebê que estava sendo gerado.

Mesmo assim, nem nos melhores sonhos Paige poderia imaginar os vínculos que Finn e Brutus formariam em pouco tempo. O cachorro acompanhou todas as pequenas conquistas do bebê – firmar o tronco, sentar-se sem apoio, engatinhar, andar e correr – com a atenção esperada para uma babá responsável e amorosa.

De acordo com a tutora, “Brutus é apenas um grande urso de pelúcia”. Ela disse ao The Dodo, site especializado em histórias sobre animais de estimação, que “ele adora atenção e ficar aconchegado com as pessoas”.

camera-flagra-crianca-saindo-da-cama-para-brincar-com-o-cachorro
DOGTOOTH MEDIA

Durante uma ultrassonografia de rotina quando Paige estava completando 20 semanas de gestação, os médicos constataram uma anomalia no coração de Finn. Assim que nasceu, o bebê teve de passar por uma série de procedimentos.

Desde o nascimento, Finn permaneceu no hospital durante sete semanas. Ele permaneceu ligado a aparelhos até que a equipe médica considerou que o bebê era resistente o suficiente para resistir a uma cirurgia de peito aberto, para reparar definitivamente a válvula cardíaca defeituosa.

Finalmente, o bebê se recuperou e pôde ser levado para casa. Desde que Brutus e Finn se conheceram, parece ter se estabelecido uma conexão imediata entre eles. O boxer branco percebeu intuitivamente que o irmão mais novo precisa de cuidados e decidiu não sair mais de perto dele.

camera-flagra-crianca-saindo-da-cama-para-brincar-com-o-cachorro
DOGTOOTH MEDIA

Os dois passam o tempo todo juntos: brincando no jardim, correndo, assistindo TV e cochilando – Brutus é mestre em sonecas. O cachorro serve de “almofada viva” para Finn: ele é o apoio e o conforto do menininho.

Nos dois primeiros anos de vida, especialmente, as crianças são muito irrequietas: elas têm o mundo todo para descobrir. Desde que aprendeu a se locomover sozinho, Finn passou a circular por todos os cômodos da casa, sempre com Brutus na retaguarda.

Mas, às vezes, Finn fica doente, de cama. Quando isso acontece, Brutus não sai do quarto da criança: ele fica muito mal-humorado quando a porta fica fechada. O cachorro vela pelo sono do menino, confortando-o e aquecendo-o. O garoto parece já ter se acostumado com o “remedinho caseiro”: ele se deita sobre o peito ou a cabeça do cachorro, que fica apenas ao lado, garantindo que nada de mal possa ocorrer.

camera-flagra-crianca-saindo-da-cama-para-brincar-com-o-cachorro
DOGTOOTH MEDIA

O sono

A câmera de segurança, instalada no quarto de Finn para que os pais possam monitorá-lo quando ele está dormindo, flagrou uma cena emocionante. Depois de conferir o sono do menino, Brutus deitou-se no chão, ao lado da cama.

Pouco antes de completar dois anos, Finn ganhou uma “cama de menino grande”: ele deixou o berço, para passar as noites em uma caminha baixa, mas Brutus deve ter considerado que o risco de queda era muito grande.

camera-flagra-crianca-saindo-da-cama-para-brincar-com-o-cachorro
DOGTOOTH MEDIA

Por isso, Brutus decidiu dormir na cama, com o irmão humano. À noite, ele espera que todos se recolham para subir na cama de Finn. Ele se posiciona entre o garoto e a quina, para impedir que Finn role e acabe caindo.

Mas Finn também tem ideias próprias e decidiu que o tapete ao lado da cama era mais confortável do que a própria cama. Era o local em que Paige e o marido esperavam que Brutus dormisse, já que ele nunca se afasta do menino por muito tempo.

E, já que Finn resolveu que o tapete é mais confortável, Brutus também se acomoda no chão, ao lado do companheiro – sempre fiel. É esta a cena captada pela câmera (uma babá eletrônica, na verdade), um retrato da amizade entre um menino e o seu cachorro, uma história que será levada por toda a vida.

Veja o vídeo:

Receba notícias e histórias do Cães Online no seu Telegram e fique por dentro de tudo! Basta acessar o canal: https://t.me/caesonline.

Postagens Relacionadas