Cachorro se derrete sempre que seu pai tenta tirar uma foto com ele

Por: em

Quando uma lente chega perto, o cão Sparky faz pose para fotos. Ele acha que se derreter é fotogênico. 

Sparky é um galgo italiano de três pernas que, ao contrário de muitas pessoas, adora posar para fotos. Enquanto alguns se escondem para não aparecer, este cachorro acredita que ficar parecido com um sorvete derretido é uma pose atraente. 

Seguir Cães Online no Facebook

Em outras palavras, Sparky praticamente se derrete quando o tutor se aproxima com a câmera ou o celular. As fotos ficam curiosas, engraçadas e, como não existe cachorro feio, também ficam muito bonitas. São as inéditas imagens do cachorro derretido. 

Sparky e os cliques 

Sempre que Kennedy Simmons, um fotógrafo que vive na Virgínia do Norte, tenta capturar imagens de Sparky, ele imediatamente fica relaxado, dissolvido, desmanchado. Uma gelatina ou sorvete tirado do freezer não ficaria diferente. 

Aparentemente, com estas informações, pode ficar parecendo que as poses e fotos de Sparky sempre resultam em desastres. Afinal, quem se interessaria por ver um cachorro derretido? Mas as aparências enganam: o galgo italiano é muito fotogênico e atraente. 

O tutor afirma que Sparky é um animal de estimação totalmente diferente. Ele gosta de posar de palhaço, mas também é muito bagunceiro e divertido. Trata-se de um cachorro muito arteiro: ele rouba comida da mesa de jantar e é especialista em “capturar” meias e camisetas do cesto de roupa suja (se não tiver ninguém olhando). 

Mas, de acordo com Simmons, nunca dá tempo para dar uma bronca. Sempre que Sparky é pego em flagrante, ele se aproxima com olhos tristes, pula no colo e mostra que é apenas um cãozinho indefeso. Sparky é apaixonante. 

As fotos mostram que Sparky realmente se derrete: é como se fosse um boneco de pano, ou um daqueles contorcionistas que fazem o que querem com o próprio corpo. Por outro lado, é um cão extremamente carinhoso. 

Quando Simmons, que também trabalha como assistente em uma clínica veterinária, tem um dia triste ou muito trabalhoso, Sparky parece entender a situação. Ele se aproxima quietinho, sem fazer bagunça, tentando confortar. É um animal muito carinhoso e dedicado ao tutor. 

Outra característica que Sparky gosta de mostrar nas fotos é o belo sorriso: assim que vê a câmera se aproximando, ele coloca todos os dentes à mostra. À primeira vista, a imagem pode parecer um pouco agressiva, mas o corpo relaxado é prova de que o cachorro não quer atacar ninguém. 

O tutor diz ainda que o que Sparky mais gosta é de comer. “Ele está sempre preparado para o café da manhã e o jantar, a qualquer hora do dia”, afirmou Simmons em posts das redes sociais, reproduzidos pelo site Bored Panda (entre outros). 

As pernas 

Sparky conquistou todos os membros da família – humanos, caninos e felinos – há alguns anos, quando chegou a casa dos Simmons. Ele adora companhia e está sempre brincando, mesmo quando os parentes querem um pouco de sossego. 

O galgo italiano sofreu um acidente, no qual fraturou o braço direito. Houve comprometimento neurológico no membro, que teve de ser amputado. Foi um acontecimento traumático para todos, mas a nova família não poderia permitir que Sparky deixasse de desfrutar todos os prazeres da vida. 

O cachorro foi socorrido na clínica veterinária em que Kennedy trabalha. Com os procedimentos cirúrgicos e o avanço do tratamento, os tutores antigos decidiram se desfazer de Sparky: eles não se sentiam aptos para cuidar de um cachorro com uma deficiência física. 

Foi dessa maneira que Sparky se tornou um membro oficial da família Simmons. Como profissional da área médica, Kennedy sabia que não poderia abandonar o cachorro, que estava abandonado e precisava se adaptar à nova condição física. 

Kennedy faz questão de dizer que os antigos tutores de Sparky eram pessoas verdadeiramente maravilhosas. Eles queriam o melhor para o cachorro, mas não se sentiam em condições de ampará-lo naquelas circunstâncias. 

Todos os galgos são excelentes corredores. Sparky  é da raça pequeno lebréu italiano (também conhecida como galguinho italiano). Estes cães são ágeis e velozes, desenvolvidos para a caça de lebres e coelhos, presas que dão muito trabalho aos caçadores. 

É possível que a família original imaginasse que Sparky não poderia mais correr, saltar e brincar livremente, como sempre havia feito. Eles não puderam imaginar a convivência com um animal com limitações na locomoção. 

Mas Sparky deu a volta por cima e continuou veloz. Talvez não tanto quanto antes – a amputação provocou dificuldades, mas o cachorro consegue superá-las – ou inventar um jeito diferente para conseguir contorná-las. 

Ele é inquieto, ativo e está sempre atrás de alguma atividade (ou alguma confusão). Ele ocupou um lugar de destaque na família Simmons. Além disso, provavelmente Sparky é o único cão que se derrete como um sorvete, especialmente quando uma câmera surge à sua frente. 

Gostou? Siga o Cães Online no Facebook, Instagram e Google News