Coceira excessiva e pele vermelha podem ser sinais de que o cão está com sarna. Saiba mais sobre essa doença de pele.

Existem muitas doenças de pele que são comuns nos cães, e uma delas é a sarna, que é provocada por ácaros. Há dois tipos de sarnas: a sarcóptica ou escabiose, provocada por um ácaro denominado Sarcoptes scabiei, e a sarna demodécica ou sarna negra, que é causa pelo ácaro Demodex Canis. Que tal conhecer um pouquinho mais sobre a sarna? Então, não deixe de ler este artigo!

Cães com sarna: o que fazer?

A principal diferença entre as sarnas citadas acima, são os sinas clínicos. Por exemplo, a sarna sarcóptica tem como principais sintomas coceira excessiva, pele vermelha, formação de crostas na pele, entre outros. A sarna demodécica, já tem como principal sintoma a queda de pelo na região dos olhos. A região fica espessa e secundariamente pode até acontecer uma infecção por bactéria, em que a área fica úmida e com a presença de pequenas bolinhas.

Quais são os sintomas da sarna? Inicialmente, os cães vão começar a coçar muito, e também vai ter queda de pelo. Assim, se você notar qualquer um destes sintomas no seu melhor amigo leve-o ao veterinário. Esses sinais iniciais são comuns em outros tipos de problemas de pele, por isso, o veterinário vai fazer uma investigação e descobrir a verdadeira causa.

O tratamento é feito com remédios específicos que existem no mercado, mas somente o veterinário vai saber indicar o melhor remédio para o seu cachorro. Não tente comprar medicamento por conta própria, porque pode ser muito perigoso para o seu amigo, ok?

A sarna demodécica pode ser passada da mãe para o filhote. Se o cão está com este tipo de sarna, ele deve evitar situações que causem estresse, assim como, manter a vacinação, vermifugação e alimentação sempre em dia. Desta forma, o seu melhor amigo vai estar sempre forte e saudável.

Mas, o outro tipo de sarna – a sarcóptica- é passada por meio de contato. Como evitar? O cão com esta sarna precisa ficar isolado, enquanto estiver sendo feito o tratamento. Além disso, objetos pessoais dele como a cama, paninho e brinquedos precisam ficar separados. É importante manter a alimentação equilibrada e saudável, para garantir que ele sempre vai estar forte.

Assim, se você notar coceira, pele vermelha ou formação de crostas, leve o seu melhor amigo ao médico. Quanto mais cedo começar o tratamento da sarna melhor, para que o seu cão fique curado mais rápido e desta forma ele vai ficar mais feliz, não é?


DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui