Day care para cachorros: entenda o que é e se vale a pena

Trata-se de um local para deixar os pets. Confira se vale a pena deixar o cachorro no day care.

Em bom português, day care é uma creche para cachorros. Tutores que não têm tempo suficiente para brincar e passear com os pets podem deixá-los durante o dia sob os cuidados de uma equipe de adestradores e recreadores. Entenda como funciona um day care para cachorro e confira se e quando vale a pena usar este serviço.

Um day care pode ser uma solução perfeita para pessoas cujas agendas estão lotadas e não sobra tempo para entreter e exercitar os cachorros. É uma excelente opção provisória – afinal, ninguém adota um pet para renunciar ao prazer de passear e brincar com ele.

Na verdade, um day care para cachorros não é indicado apenas para tutores muito ocupados, sem tempo para entreter os amigos de quatro patas. É também um espaço de entretenimento, treinamento, descanso e até acompanhamento veterinário.

Tornar-se um tutor é muito mais do que providenciar alimento, conforto e cuidados médicos. Cachorros são animais gregários e precisam da companhia humana para crescerem e manterem a saúde, o equilíbrio e o bem-estar. Mas às vezes falta tempo: então, entra em cena o day care.

Day care para cachorros: entenda o que é e se vale a pena

Antes de contratar este serviço, contudo, é importante avaliar as condições do seu cachorro. Caso haja sempre alguém da família disponível para fazer companhia e brincar com o peludo, talvez não seja necessário deixá-lo em um ambiente estranho.

Uma opção mais barata é a contratação de um dog walker, caso o cachorro só precise de alguém para acompanhá-lo nos passeios diários (e, eventualmente, também em consultas com o veterinário). Apenas certifique-se de que o dog walker não tenha uma agenda muito lotada, que o obrigue a sair conduzindo cinco ou seis cachorros a cada vez que empreende um passeio.

Day care: o que é?

Basicamente, um day care é uma creche para cachorros. É um espaço de acolhimento e aprendizado, que se torna uma referência positiva para os pets.

É também um lugar para gastar a energia – e os cachorros têm energia de sobra – para que, à noite, quando eles retornarem para casa, possam ficar tranquilos e também garantir a tranquilidade dos tutores, que merecem um descanso depois das batalhas do dia a dia.

Day care para cachorros: entenda o que é e se vale a pena

O day care ideal é um espaço equipado com brinquedos, locais ao ar livre e indoor para que os cachorros possam brincar e se exercitar tanto nos dias de Sol e calor, quanto no inverno e nos dias de chuva.

Em geral, as creches para cachorros contam com adestradores e recreadores especializados, além de ter pelo menos um serviço de emergência médica – um enfermeiro ou um veterinário à disposição dos pets.

Alguns day care para cachorros são especializados em algumas atividades, como agility, corrida, tração, etc. Antes de fazer a matrícula, certifique-se de que o day care tenha condições de receber o seu pet, de acordo com as condições de saúde, porte, resistência física, idade, etc.

Em um day care, os cachorros podem tomar banhos de piscina, percorrer trilhas com obstáculos, escolher os brinquedos prediletos, envolver-se em cabos-de-guerra, pega-pega, esconde-esconde, buscar bolinhas, fazer caminhadas em diferentes ritmos, etc.

Em algumas escolinhas, os tutores também podem solicitar adestramentos específicos, como subir escadas (alguns cães têm medo dos degraus), aprender os comandos básicos, fazer as necessidades no lugar certo, treinar obediência, etc.

Um day care também pode disponibilizar serviços específicos, como banho e tosa, consultas médicas, administração da carteirinha de vacinação, acompanhamento nutricional e até preparação para competições oficiais (em geral estes estabelecimentos são credenciados por clubes de cinofilia).

Em algumas situações, os cachorros levam “dever de casa” quando são devolvidos aos tutores no final do dia. São exercícios e comandos para reforçar o aprendizado e também para fortalecer os elos da família.

Vale a pena deixar o cachorro no day care?

O day care para cachorro é uma boa opção para quem passa o dia inteiro fora de casa, trabalhando e estudando, e não tem com quem deixar o pet. Cães mantidos sozinhos durante longos períodos desenvolvem, no médio prazo, problemas de sociabilização.

Eles também podem se tornar destrutivos e agressivos. O tédio de passar longas horas, sem nada agradável e divertido para fazer, facilita o desenvolvimento de condutas inadequadas. Além disso, eles podem se tornar ansiosos e até deprimidos.

Passar o dia à toa igualmente compromete a saúde. Sem se exercitar física e intelectualmente, os cães podem ganhar uns quilos a mais – e o sobrepeso é uma doença em si mesmo, além de ser porta de entrada para diversos transtornos, como as disfunções metabólicas.

O isolamento compromete o desenvolvimento intelectual e emocional, tornando os cães mais teimosos e persistentes. Eles também podem desenvolver hábitos nocivos, como morder as patas e a cauda ou lamber o corpo excessivamente. As condutas obsessivas debilitam o bem-estar dos pets e influenciam até mesmo na expectativa de vida.

Por tudo isso, o day care para cachorros acaba se tornando um espaço lúdico e terapêutico, no qual os pets podem brincar, aprender e conviver com humanos e outros cachorros, enquanto os tutores estão ocupados com as tarefas diárias.

Os pré-requisitos

Alguns day care aceitam apenas cães adultos e saudáveis, enquanto outros se especializam no adestramento de filhotes e acompanhamento dos idosos. Para matricular um pet, é necessário que a vacinação e a vermifugação estejam em dia (é necessário apresentar os comprovantes da clínica veterinária).

Os cães muito agressivos geralmente passam por um período de adaptação, no qual são mantidos separados dos outros “alunos”. No caso de cães muito violentos, a matrícula em um day care não é indicada.

Os cachorros que passam muito tempo sozinhos podem desenvolver a síndrome de ansiedade de separação. São animais que apresentam sinais físicos e psicológicos de mal-estar, indisposição e desconforto quando se separam dos tutores.

No caso de sintomas mais evidentes (a síndrome é caracterizada desde o choro de saudade até arritmias cardíacas com a ausência dos tutores), provavelmente os responsáveis pelo day care recomendarão o tratamento prévio, antes de aceitar o novo aluno.

É importante considerar que o day care para cachorro não substitui os carinhos e cuidados dos tutores. O ambiente coletivo supre a maioria das necessidades dos pets, mas não pretende, de forma alguma, assumir a posição da família humana em relação aos peludos.

Como escolher o melhor day care para cachorros

Nas cidades médias e grandes, há uma oferta razoável de day care para cachorros. Os tutores devem procurar os estabelecimentos mais convenientes, começando pela localização – o day care pode ficar próximo à residência ou ao trabalho dos humanos da família.

Antes de fazer a matrícula do seu cão, faça uma pesquisa. A maioria dos day care para cachorros mantém páginas na internet, com fotos e descrições das atividades realizadas com os pets. Verifique atentamente se o estabelecimento atende às suas necessidades e, principalmente, às necessidades e desejos do cachorro.

Faça uma visita ao day care e leve o cachorro com você. Ele deve ser livre para inspecionar o local e este é um bom momento para avaliar a interação do pet com outros humanos e cachorros, para ele desconhecidos. Além disso, é importante analisar a conduta dos responsáveis em relação aos alunos.

Identifique os processos e metodologias empregados pelo day care (por exemplo, analise o número de cães por tratador, a oferta de quartos separados, etc.). Verifique também o comportamento dos alunos mais antigos, procurando avaliar se eles estão felizes, ajustados e, claro, sem evidências de maus tratos.

É importante conferir também os aspectos de segurança. O day care ideal não pode ter rotas de fuga, precisa ter espaços para separar os eventuais briguentos e, de acordo com as condições do cachorro, não pode facilitar os acidentes – como degraus íngremes, rampas escorregadias, etc.

Em certos day care, existe a opção de pernoite para os cachorros: eles podem dormir na escolinha, quando os tutores estão envolvidos em atividades noturnas, ou quando precisam viajar. Alguns estabelecimentos unem as atividades de creche e hotel para cães.

Alguns estabelecimentos não dispõem de instalações dignas de uma academia canina: eles podem inclusive ser pequenos e acanhados. Isto não significa, no entanto, que sejam ruins ou inadequados.

Se houver espaço para brincar e se exercitar, se o ambiente for limpo e arejado, se os cuidados espaços são garantidos, esse day care pode ser o local ideal, especialmente para cães pequenos ou menos “intensos”.

Não se preocupe com ambientes luxuosos. Pense principalmente no conforto e na educação dos cães. Alguns locais oferecem atividades que pouco ou nada acrescentam à saúde e qualidade de vida dos pets, apesar de parecerem sofisticados à primeira vista.

Os estabelecimentos oferecem planos para receber os cães em todos os dias úteis, apenas algumas vezes por semana ou somente em ocasiões especiais. Os preços variam de acordo com os serviços oferecidos e o total de horas que o aluno passa no day care.

Lembre-se: o day care não deve ser usado como justificativa para negligenciar os cachorros. Eles aprenderão novos truques, saberão dividir o tempo, os brinquedos e as atenções humanas com os colegas e voltarão para casa cansados. Mesmo assim, nada substitui o relacionamento entre os peludos e seus humanos de estimação.

Postagens Relacionadas