No verão, as pulgas aparecem com mais frequência e o controle deve ser maior neste período. Confira algumas dicas, para proteger o seu melhor amigo.

As pulgas provocam muito desconforto para os cães e no verão elas se desenvolvem de forma mais rápida e, principalmente, na pele dos cachorros. Por isso, em dias com temperatura muito alta os donos precisam ficar atentos para aumentar o controle das pulgas, porque neste período elas aparecem com muita facilidade.

Dicas de como controlar as pulgas

Além das coceiras e desconfortos, as pulgas podem prejudicar- e muito- a saúde do seu melhor amigo, porque elas podem provocar anemia, feridas e quedas de pelo.

Além disso, alguns cães podem chegar a perder o apetite e devido a isso, podem ter outros tipos de doenças. Outra situação, é que muitas vezes as pulgas podem transmitir um verme denominado Dipilidium, que compete com os nutrientes, que são ingeridos pelos cães.

O controle das pulgas pode ser feito por meio de várias maneiras diferentes como, por exemplo, sprays, que podem ser aplicados em toda a pelagem do cachorro, método chamado top-spot, em que é pingada uma pequena quantidade do produto na nuca do cão e, além disso, existem produtos que podem ser usados em filhotes. Assim, o mercado dispõe de várias opções para que os donos possam acabar com a pulga nos cães.

Depois que o remédio é aplicado, ele é absorvido pela pele do animal e se espalha para as outras regiões do corpo. Geralmente, as substâncias duram, em média, três semanas. Em seguida, siga rigorosamente as condições para o tratamento. Independente do tipo de método que usar ( spray ou top-spot) não banhe ou escove o cão dois dias antes ou dois dias depois da aplicação.

Lembre-se de que as pulgas, também, podem invadir o ambiente, porque é o local em que em se localizam os ovos da pulga. Por isso, muitas vezes, para fazer um controle eficaz é preciso chamar empresas especializadas para fazer uma dedetização especial.

A prevenção contra as pulgas é a melhor alternativa de controle, por isso, o tratamento para evita-las deve ser constante, porque os cães podem adquirir as pulgas em um simples passeio do dia a dia. Antes de usar qualquer produto, converse com o veterinário, para que ele possa passar as orientações e o tipo de tratamento da forma correta.


DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui