Como evitar o choro dos cães? Por que isso acontece? Confira as dicas e saiba o que fazer!

Ao ver o seu melhor amigo chorando, o que você faz? O choro pode ter vários significados: chamar atenção para ganhar um carinho, indício de dor, tristeza, entre outros. É preciso tentar entender os motivos do choro e descobrir as suas causas. O seu melhor amigo está chorando muito ultimamente? Saiba o que fazer!

O choro dos cães!

Os choros podem ser causados por vários motivos e, além disso, indicam uma série de sentimentos e necessidades diferentes para os cães.

Desta forma, os donos precisam ficar atentos aos sinais que os cachorros enviam para garantir a saúde e o bem estar deles. O choro nos cães costuma ser seco e ocorre por meio da vocalização, que emite sons para chamar a atenção e assim demonstrar o sentimento de tristeza que existe naquele momento.

Por que o choro acontece?

Os cães filhotes costumam chorar muito, porque tudo é novidade para ele: o dono, o ambiente, o novo lar, entre outros. Assim, toda essa novidade e também pelo cãozinho ter sido separado da mãe há pouco tempo contribuem para que o choro ocorra com uma frequência maior.

Desta forma, os donos precisam ter paciência e dar muito amor e carinho ao novo amigo.

Entre outros motivos, os cães podem chorar por se sentirem abandonados – quando ficam afastados do dono por muito tempo-, quando dormem em locais que não estão habituados , falta de comida, água, entre outros motivos. Assim, os cães podem chorar por necessidades muito diferentes e os donos devem sempre ficar atentos a isso.

Mas, o choro também pode ser desencadeado por alguma doença ou também em função de algum mal-estar. Por isso, qualquer dúvida leve o seu melhor amigo ao veterinário, para que o profissional possa avaliar o estado de saúde do seu cão.

Choro: é possível evitar?

Existem algumas maneiras para evitar o choro nos cães. Por exemplo, os filhotes devem estar sempre na companhia de alguém para que não se sintam tão sozinhos. Se ele for ficar só por algumas horas do dia, deixe uma blusa sua com ele, para que ele sinta o seu cheiro.

Outra dica é deixar o rádio ligado ou a televisão acesa.

Além disso, verifique sempre se tem água – limpa – e comida para o seu melhor amigo. Mantenha sempre o seu cão em um ambiente que ele se sinta seguro e protegido contra os fatores climáticos como, por exemplo, chuva e vento.

Gostou das dicas? Conte para a gente no blog!


1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui