A otite é a inflamação dos ouvidos, e como este órgão é dividido em três grandes partes, dependendo do local da inflamação, esta poderá ser mais ou menos grave. Quando um cão apresenta otite comumente ele coça frequentemente suas orelhas, pende a cabeça para um dos lados constantemente, se chacoalha bastante, suas orelhas exalam um cheiro forte e desagradável ou ainda se mostra agressivo ou triste quando tentamos tocar esta parte de seu corpo.

Diversas são as causas das otites, sendo que as mais comuns são parasitária, que é a causada por ácaros, infecciosa, ocasionada por bactérias, seborreica, que ocorre quando o cão produz muita cera e esta não é eliminada, por umidade, que geralmente acontece quando água entra nos ouvidos dos cães durante o banho ou quando eles nadam, por predisposição racial, no caso de orelhas grandes e caídas, e ainda por fungos.

Otite Canina - Sintomas e Tratamento

Para evitar que o cão desenvolva otite é fundamental limpar seu ouvido com um chumaço de algodão embebido em álcool, além de proteger seu ouvido, também com algodão, durante os banhos para evitar a entrada de água no canal auditivo. Cães que têm orelhas em pé, como os Dobermanns, poderão ter as orelhas limpas mensalmente. Já os cães com orelhas caídas, como os Basset Hounds, precisam ter os ouvidos limpos semanalmente, ou pelo menos a cada dez dias.

Otite Canina - Sintomas e Tratamento

Geralmente uma limpeza frequente dos ouvidos já é suficiente para evitar otites. No caso de inflamações mais graves, tratamentos veterinários deverão ser feitos, muitas vezes com a prescrição de antibióticos.


DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui