Após semanas procurando, sem-teto reencontra o cachorro perdido

Um vídeo emocionante: após dias de busca, sem-teto reencontra o melhor amigo: um cachorro.

Foram semanas de busca. Algumas pistas pareciam indicar o paradeiro do cachorro perdido, mas acabavam levando a lugar nenhum. Este sem-teto perdeu o melhor amigo, mas não desistiu até que conseguiu reencontrá-lo.

Anthony Rogers é um artista plástico. O uso abusivo de drogas o levou a viver nas ruas de Memphis, no Tennessee, Estado da região sudeste dos EUA. Certa manhã, ao acordar, Anthony percebeu que Bobo, um mestiço de staffordshire terrier, não estava ao lado.

A procura

O cachorro não costumava se afastar. Ele acompanhava o artista em suas perambulações por Memphis, sempre à procura de alimento e de algum recurso para compras as suas drogas de eleição. Naquela manhã, porém, Bobo parecia ter ido longe demais.

Anthony começou a ficar preocupado. Além de melhor amigo, o cachorro também é o guardião dos poucos pertences do morador de rua e companhia constante: aonde quer que o artista vá, lá está o fiel escudeiro, sempre alegre, brincalhão e barulhento.

sem-teto-reencontra-o-cachorro-perdido

O morador de rua conversou com outros amigos sem-teto, vasculhou alguns pontos de comércio próximos e chegou a preparar panfletos com imagens de Bobo, que distribuiu entre os transeuntes e afixou em postes e troncos de árvore. Foram semanas sem notícias do cachorro.

Finalmente, um funcionário do abrigo municipal da cidade recebeu um dos folhetos e, comparando as fotos, identificou Bobo entre um dos animais recolhidos recentemente ao Memphis Animal Shelter. O funcionário decidiu ligar para o número indicado.

Não foi necessário mais que alguns minutos para Anthony chegar até o canil. O reencontro dos dois amigos foi filmado por funcionários do abrigo e postado nas redes sociais. Nas imagens, pode-se ver Bobo ao reconhecer o tutor, ainda a distância.

O cachorro corre em direção a Anthony, balançando o rabo sem parar, e pula em direção ao peito do amigo. Ele não conseguiu conter a felicidade de rever o pai. Provavelmente, Bobo seguiu um rastro qualquer e, ao voltar ao local onde tinha deixado o sem-teto, ele não estava mais lá.

sem-teto-reencontra-o-cachorro-perdido

Moradores de rua não têm um ponto fixo de moradia. Eles dormem na entrada de uma loja, perambulam por praças e avenidas durante o dia e tentam voltar ao mesmo ponto para o descanso noturno – que, muitas vezes, já está ocupado por um colega. Bobo não tinha como seguir a trilha deixada por um andarilho em uma cidade com mais de 1,3 milhão de habitantes.

A alegria de Bobo também é compartilhada pelo tutor. O vídeo mostra Anthony mal conseguindo controlar as emoções, com um sorriso que vai de orelha a orelha. Finalmente, a família estava reunida.

Mas Bobo não foi entregue imediatamente ao tutor. O cachorro foi encaminhado a um hospital veterinário da cidade, em que foi castrado, vacinado e recebeu um microchip de identificação. Na próxima vez em que ele se perder, será um pouco mais fácil encontrá-lo.

sem-teto-reencontra-o-cachorro-perdido

O abrigo forneceu a Bobo um ano de atendimento veterinário gratuito, além de um pacote grande de ração. O cachorro também ganhou guia, coleira e uma etiqueta de identificação, para maior segurança da dupla nas ruas de Memphis.

A maior transformação, contudo, aconteceu com Anthony. Durante a busca por Bobo, que consumiu algumas semanas intermináveis, o artista deixou as drogas de lado. Ele precisava manter a atenção e o foco na busca, não poderia ficar com a consciência alterada.

Anthony encontrou um motivo para largar as drogas: cuidar do cachorro, seu melhor amigo, verdadeiro membro da família. O morador de rua foi encaminhado para um serviço de desintoxicação e conscientização.

O sem-teto já vinha tentando reduzir o consumo, desde que passou a partilhar a vida com o cachorro. O uso abusivo de substâncias alucinógenas ou que alteram a percepção está sempre associado a um transtorno compulsivo – e Anthony entendeu que precisaria se tratar.

A decisão final de eliminar o hábito foi acelerada pela perda do cachorro. De um momento para outro, o grande companheiro, que sempre dividia alegrias e tristezas, não estava mais ao seu lado. Entre as drogas e a companhia de Bobo, Anthony escolheu o peludo.

A amizade é capaz de provocar milagres. E ninguém melhor do que um cachorro para demonstrar o afeto e o desapego do que um cachorro. Bobo e Anthony ainda têm um longo caminho pela frente, mas decidiram trilhá-los juntos.

Postagens Relacionadas