Urina de cachorro é um dos maiores incômodos da adoção. Saiba como tirar o cheiro da casa.

Receber um cachorro é uma ocasião inesquecível. Observar um filhote começar a explorar o novo ambiente é divertido e relaxante e sentir o prazer de adotar um cão já adulto é um prazer indescritível. Mas, nos dois casos, os animais começam a espalhar urina pela casa e o cheiro incomoda bastante. Confira alguns truques de como tirar o cheiro de urina de cachorro da casa.

É importante ter em mente que este é um problema transitório. Tanto filhotes quanto adultos aprendem rapidamente a fazer as necessidades fisiológicas no local indicado pela família. Mesmo assim, especialmente para quem mora em apartamento, mesmo que o xixi seja feito na área de serviço, o cheiro parece se espalhar pela casa inteira.

Com um cachorro novo em casa, é necessário estar atento à movimentação. Os filhotes costumam fazer as necessidades fisiológicas de 15 a 20 minutos depois das refeições; os adultos, duas a três horas depois.

Uma dica para saber que o pet está “apertado”: ele começa a andar em círculos, curvando levemente a garupa em direção ao solo (sem se sentar nem agachar). Ao perceber isso, leve o cachorro para o quintal ou o tapete higiênico.

Como tirar o cheiro de urina de cachorro da casa

Outros motivos

Mesmo cachorros já acostumados a fazer as necessidades nos locais indicados pelos tutores podem eventualmente liberar uma poça de xixi no meio da sala. Quase sempre, o motivo é uma oferta maior de líquidos ou alimentos úmidos, inclusive frutas.

Neste caso, basta direcioná-lo mais rapidamente ao “banheiro”: ele apenas ainda não sabe que a urina sai mais rápido quando o nosso corpo está bem hidratado. Não é preciso eliminar os vegetais da dieta.

Cães idosos podem enfrentar problemas nos rins e na bexiga, eliminando a urina com mais frequência. Alguns animais podem sofrer de incontinência urinária, liberando poucas gotas continuamente. Este pode ser o preço a ser pago por ter atingido a terceira idade (aos sete ou oito anos, mas mais precocemente nos cães de grande porte).

O motivo mais comum para cachorros adultos fazerem xixi no lugar errado é o tédio. Animais que passam muito tempo sozinhos, enquanto os tutores estão na rua trabalhando ou estudando, podem desenvolver ansiedade e passar a tomar algumas atitudes para chamar atenção. A solução é encontrar formas de ocupar o tempo ocioso dos pets.

Melhor prevenir do que remediar

Educar e adestrar os cachorros é a melhor atitude que tutores responsáveis podem tomar. Na natureza, não existem lugares certos para urinar ou defecar. Alguns animais, como os gatos, tendem a ocultar os excrementos, para não denunciar a sua posição e, com isso, atrair os predadores.

Os cachorros – na verdade, os lobos, ancestrais dos nossos peludos – não se preocupam com isso. Eles, aliás, costumam usar a urina para delimitar o território e afastar intrusos. O odor – que nós consideramos desagradável – é também uma maneira de identificar os membros do bando e atrair parceiros sexuais.

Ao chegar em casa, os cachorros trazem este comportamento atávico. Tapetes, cortinas e sofás parecem ser locais adequados para definir o espaço da matilha (para os pets, nós fazemos parte da mesma matilha).

É preciso ensiná-los a não fazer as necessidades pela casa. Para isso, é necessário paciência e firmeza. Felizmente, os cachorros gostam de agradar os humanos e aprendem em poucos dias, especialmente quando são incentivados com recompensas, carinho e palavras afetuosas.

A urina dos cachorros, além de ter um cheiro desagradável, pode ser prejudicial para a saúde. Um simples jato reúne milhões de bactérias e espalha ureia no ambiente, que, em altas concentrações, provoca alterações cardiorrespiratórias.

O xixi do cachorro também contém amônia, uma substância tóxica e corrosiva. Por isso, quando os cachorros não são educados, os pés de móveis e tapetes começam a se desgastar em pouco tempo. Eliminar os vestígios da urina do cachorro é uma atitude de preservação da saúde e bem-estar de toda a família.

Os castigos físicos estão fora de questão na convivência com cachorros. Ninguém merece levar palmadas por ter feito algo que não sabia que não deve ser feito (urinar é uma necessidade natural; escolher o local para urinar é uma questão cultural).

Os gritos não surtem nenhum efeito, ou quase nenhum. Os cachorros entenderão que o tutor está bravo – mais do que palavras, eles compreendem a entonação como elas são pronunciadas –, mas não conseguirão decifrar os motivos da irritação.

Importante: não adianta tentar ensinar um cachorro a fazer xixi no lugar certo esfregando o focinho do pet no local em que ele fez a coisa errada. Você aprenderia alguma coisa útil se esfregassem o seu nariz em uma substância qualquer? Pois é, os cachorros também não aprendem assim.

Dicas para tirar o cheiro de urina de cachorro da casa

Os cachorros tendem a urinar e defecar sempre nos mesmos locais, que eles identificam pelo cheiro – o faro canino é extremamente apurado: os peludos possuem 25 vezes mais receptores olfativos do que os humanos.

Por isso, sempre que a poça de xixi for detectada, é importante higienizar o local rapidamente. Os produtos de limpeza se combinam com a urina e esta reação altera os odores. A rápida limpeza garante que o pet não elegerá “aquele” cantinho, se ele for lavado com a máxima brevidade. Confira as 10 dias de como tirar o cheio de urina de cachorro da casa:

  1. Retire bem toda a urina do local, com papéis ou panos absorventes. Os papéis são indicados para pisos frios (azulejos, porcelanato, granito, cimento queimado, etc.), enquanto os panos são melhores para retirar o xixi de pisos de madeira, tapetes ou carpetes.
  2. Não aplique desinfetantes ou detergentes diretamente sobre o xixi, porque a mistura de odores pode ficar ainda mais desagradável. Além disso, os produtos de limpeza perdem a eficácia quando reagem com compostos orgânicos.
  3. Depois que o “local do crime” estiver seco, sem traços de urina, aplique um detergente com baixa concentração de lauril (éter sulfato de sódio – consulte os rótulos), a substância responsável pela espuma dos produtos de limpeza. Quanto menos espuma no piso, melhor para remover os restos da urina do cachorro.
  4. A lavagem do piso não é suficiente para tirar o cheiro de urina do cachorro. Depois que o piso estiver lavado e seco, aplique um desinfetante com agente bactericida. Os mais indicados são os formulados com amônia quaternária, que podem ser encontrados em pet shops e em alguns supermercados. Outra opção é o álcool isopropílico, que também apresenta propriedades bactericidas.
  5. Despeje um pouco do produto sobre o local onde o cachorro fez xixi e deixe agir por alguns minutos, sempre de acordo com as recomendações do fabricante. Em seguida, retire o excesso com um pano seco: dê preferência aos materiais absorventes e que não soltam felpas.
  6. Água oxigenada (ou peróxido de hidrogênio) também ajuda a eliminar os odores. Você pode aplicá-la pura, depois de secar o local do xixi, diluída em água (na proporção de sete partes de água para uma de peróxido) ou misturada com bicarbonato de sódio (o suficiente para fazer uma pasta).

    Deixe agir por 30 minutos antes de limpar e secar. A água oxigenada (dez volumes) pode ser usada em pisos frios e em tapetes ou carpetes, mas evite empregá-la em tramas escuras, porque o produto pode manchar ou descolorir.
  7. Vinagre branco, água oxigenada, bicarbonato de sódio e sumo de limão são neutralizadores eficientes de odores. Eles podem ser usados especialmente no “período de testes”, quando os pets estão aprendendo a fazer xixi no lugar certo, mas não substituem os produtos de limpeza.
  8. Esqueça os produtos que apenas perfumam os cômodos, sem exercer função germicida. As bactérias presentes na urina morrem em poucas horas, mas não sem antes contaminar o ambiente com o cheiro fétido.
  9. Nas áreas externas (jardins e quintais), os tutores podem usar branqueadores químicos nos pisos, que devem ser retirados com água antes da liberação do local para os cachorros, uma vez que são tóxicos para animais. Gramados e canteiros podem ser desodorizados com cal para jardim, encontrado em lojas de jardinagem.
  10. Não se deixe iludir por receitas milagrosas, como aplicar bicarbonato de sódio, sal ou pimenta-do-reino. O bicarbonato de sódio neutraliza o cheiro e ajuda a remover eventuais traços de gordura que tenham sido deixados pelo cachorro.

    O sal de cozinha não tem nenhuma função de limpeza (a menos que você esteja tentando clarear tecidos brancos encardidos, e não eliminar o xixi) e a pimenta pode afastar o pet do local, porque a maioria dos cachorros não tolera sabores e aromas picantes.

    Mas, enquanto a maioria dos cachorros odeia pimenta, existem sempre as exceções: pode ocorrer de o seu peludo gostar e, neste caso, ele poderá lamber todo a especiaria polvilhada no chão. É um desperdício do condimento – e é muito provável que o seu cachorro continue fazendo xixi nos mesmos lugares.

Esperamos que tenha gostado de nossas dicas de como tirar o cheiro de urina de cachorro da casa. Se gostou, compartilhe. Lembre-se, nossas dicas não substituem a consulta com um médico veterinário. Sempre que notar algo errado, procure um especialista.


DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui