Cães sentem cheiro de medo?

Saiba o que realmente faz com que os cães percebam essa sentimento.

O cão é o melhor amigo do homem! Esta frase é tão corriqueira quanto verdadeira. A cada dia que passa vemos mais pessoas adquirindo cães e tratando-os como verdadeiros membros da família. Cuidados veterinários, banhos, tosas, enfeites, roupas, passeios, carinho e muito amor. A gama de produtos e serviços criados para que nós humanos possamos tratar cada vez melhor nossos cachorrinhos, é crescente. Então porque tantas pessoas sentem medo desses animais tão amistosos? Eles realmente atacam pessoas que sentem medo? Será que sentem mesmo o cheiro do medo?

Muito se ouve dizer a respeito de cães que avançam justamente naquela pessoa que mais demonstra medo e por isso a afirmativa de que cães sentem cheiro de medo é tão comum. Na verdade, o cachorro não sente o cheiro do medo, o que acontece é que ele percebe a mudança física que acontece quando se tem este sentimento: as palpitações e o suor aumentam, a respiração muda e fica mais acelerada, a tensão muscular também aumenta consideravelmente e em geral a pessoa passa a ter movimentos furtivos ou fica em uma postura submissa e na maioria das vezes sai correndo. Ao agir desta forma ela se torna um alvo, pois é assim que as presas agem na natureza e isso desperta o instinto dos cães, fazendo com que percebam que esta é uma presa fácil.

Na maioria das vezes em que um cão avança em alguém, principalmente os que já são domesticados, não é com intenção de machucar, mas sim de demonstrar quem manda no território e espantar aquele que lhe pareceu uma ameaça. Os movimentos de defesa do ser humano como levantar as mãos ou sair correndo podem ser entendidos pelo cachorro como ameaça e por isso eles reagem dessa forma, não é ataque, é defesa.

Algumas pessoas chegam a ter um medo irracional e se apavoram mesmo diante de um cachorro preso ou em estado bem tranquilo, geralmente isso se dá por algum trauma sofrido ou pela simples ideia fixa de que o cão irá ataca-la a qualquer momento, é normal sentir um pouco de medo de cachorros grandes, neste caso, o ideal é respeitar o seu espaço e não demonstrar intimidação.

O olfato é o sentido mais apurado nos cães e por isso eles se aproximam de nós com a intenção de conhecer o nosso cheiro, ao deixar que eles façam isso de forma natural, sem movimentos bruscos e sem medo, permitimos que eles nos conheçam e sejam totalmente amistosos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *