Dicas sobre cuidados com filhotes

Por: em

Os filhotes precisam de cuidados especiais como vacinação, alimentação e muitos outros. Confira alguns que são essenciais para manter a saúde e o bem estar deles.

Não há como não se apaixonar e encantar com os filhotes de cães. Eles conquistam pelo afeto, doçura e carinho, a todo instante. Neste início de vida, eles precisam de cuidados especiais para crescerem com boa saúde.

Dicas sobre cuidados com filhotes

Um dos principais cuidados é com a alimentação, que deve ser equilibrada e saudável. Ou seja, escolha alimentos que sejam específicos para filhotes, porque eles vão ter a quantidade correta de nutrientes que o seu cão precisa. Preferencialmente, as rações devem ser feitas à base de leite. Se você, por exemplo, notar que os filhotes estão com dificuldade em mastigar a ração, misture com um pouco de água, porque os dentinhos ainda estão em fase de desenvolvimento. Para saber a quantidade ideal, basta olhar no verso da embalagem que tem as especificações.

A vermifugação, também, é muito importante nesta fase inicial. Os cachorrinhos devem ser desvermifugados com 21 dias de vida. O vermífugo pode ser encontrado nas lojas de veterinária. O processo deve continuar até que ele complete, aproximadamente, 6 meses e depois deve ser mantido de três em três meses.

A vacinação deve estar completa e sempre em dia no seu cão. Nos primeiros meses de vida, é que os cães adquirem imunidade, por isso, a vacinação é muito importante. A primeira dose, por exemplo, pode ser dada com 45 dias e depois seguidas com duas doses de intervalo de 30 dias, para completar 3 doses.

Dicas sobre cuidados com filhotes

Periodicamente, as vacinas devem ser repetidas com uma dose, mas de forma anual. Não tente comprar e dar vacina no seu cachorro, ou seja, leve-o a um médico veterinário de confiança para que ele dê as doses necessárias. Depois, é só carimbar na carteirinha de vacinação do seu amigo, e guarde-a em um local seguro, para que você tenha sempre controle das vacinas e a quantidade correta de doses.

Você deve começar a passear com o seu amigo, apenas quando ele tiver tomado todas as doses da vacina, porque desta maneira ele vai estar realmente protegido. Escolha um veterinário de confiança e leve sempre seu amigo a ele para fazer exames de rotinas e verificar como está o peso, altura, entre outras características.

Lembre-se de brincar e aproveitar muito a companhia do seu cachorro. Por isso, dedique parte do seu dia a ele com brincadeiras novas ou ensine-o muitos truques diferentes. Quando ele puder passear, leve-o para lugares em que ele possa correr brincar e se divertir ao seu lado.