InícioHistórias FelizesCachorro que trabalha na lavanderia não consegue parar de tirar sonecas durante...

Cachorro que trabalha na lavanderia não consegue parar de tirar sonecas durante o expediente

O cachorro ajuda o tutor e recebe todos os clientes, mas não deixa de dormir nas máquinas.

Cody é um golden retriever de oito anos de idade que vive em San Francisco, na Califórnia (EUA). Quem usa a lavanderia da Larkin Street já está acostumado a encontrá-lo: ele recebe todos os clientes com latidos e festas, faz a vigilância do local e está sempre alerta – ou quase isso.

Cody conhece todos os maquinários, móveis e utensílios da lavanderia. Ele aprendeu bons truques para escalar as máquinas grandes: salta das cadeiras nas lavadoras menores, e delas para as maiores, que, aparentemente, são o melhor lugar para tirar sonecas.

Seja como for, ter Cody por perto é sempre um alívio, especialmente quando ele está cochilando. O Tenderloin, bairro central de San Francisco onde fica a lavanderia, é um dos mais violentos da cidade e o sono do golden retriever é sinônimo de que o movimento na região está tranquilo.

funcionario-de-lavanderia-nao-deixa-de-tirar-sonecas-nas-maquinas

O trabalho de Cody

Todas as noites, o golden retriever ajuda o tutor a fechar a lavanderia. Ele acompanha os últimos fregueses e fica a postos na porta do estabelecimento, avisando os retardatários que já passou da hora de fechar.

Depois dessa tarefa árdua, enquanto o tutor guarda os equipamentos, utensílios e produtos de higiene e faz a última faxina do dia, Cody entende que merece um descanso, depois de tanta correria: ele aproveita para tirar uma soneca em cima das lavadoras, antes de voltar para casa.

A história de Cody atraiu a atenção da imprensa e a família concedeu entrevista para o site The Dodo, pedindo para não ter o sobrenome divulgado. Stephanie, a irmã humana de Cody resumiu a rotina de trabalho:

“Meu pai sempre leva os nossos cachorros para a lavanderia, especialmente quando fecha no final do dia. O nosso cachorro mais velho adorava ficar nas cadeiras de espera, para observar os fregueses e o movimento nas ruas, mas Cody é mais esperto e ágil do que ele”.

funcionario-de-lavanderia-nao-deixa-de-tirar-sonecas-nas-maquinas

Nascido para brilhar

A família de Cody tentou convencê-lo a ficar apenas nas cadeiras reservadas para os clientes, enquanto estes esperam a lavagem das roupas. Mas o golden retriever encontrou um jeito de subir nas máquinas de lavar.

A partir das cadeiras (que ficam em frente), ele alcança a porta basculante das máquinas menores (para lavar poucas roupas) e continua subindo pelas peças das lavadoras, até chegar ao topo das máquinas maiores, onde o conforto é maior.

O cachorro anterior da família permanecia a postos durante o tempo todo, circulando entre os fregueses, as máquinas e as pilhas de roupas. Mas Cody é um pouco mais preguiçoso. Ele prefere ficar simplesmente deitado, com cara de carente, encarando o vaivém muitas vezes frenético da lavanderia.

funcionario-de-lavanderia-nao-deixa-de-tirar-sonecas-nas-maquinas

Seja como for, a estratégia do golden retriever parece dar resultado. Talvez por ficar ao alcance das mãos dos fregueses, ele sempre ganha carinhos e cafunés – e gosta muito desses agrados. Alguns clientes chegam a levar petiscos – Cody é a atração principal da lavanderia.

Na verdade, apesar de ser um costume da maioria dos americanos, é muito chato levar a roupa suja para a lavanderia, acionar uma máquina e ficar sem nada para fazer até a hora de passar as roupas da lavadora para a secadora.

Mas Cody é o remédio perfeito contra o tédio. Ele distrai os clientes enquanto eles esperam que as roupas estejam prontas para serem levadas para casa. Quando tira os seus cochilos, o golden retriever é mestre em caras e bocas – muita gente já confessou ir à lavanderia automática da Larkin Street principalmente para se divertir um pouco com o peludo.

funcionario-de-lavanderia-nao-deixa-de-tirar-sonecas-nas-maquinas

Essas “tarefas de representação” são as preferidas do golden retriever. Cody é um cachorro independente e persistente, para não dizer teimoso. De acordo com o tutor, o lema do cão é: “Eu faço apenas o que quero”.

De qualquer maneira, observar um golden retriever é sempre um prazer visual: os cães da raça são elegantes, bonitos e majestosos. Observar Cody no alto dos maquinários reforça ainda mais essa impressão de dignidade e beleza. Um diferencial e tanto para uma lavanderia na zona “pesada” da cidade.

Talvez revelando uma pontinha de ciúme, Stephanie revelou ao The Dodo: “Acho que o Cody gosta de ver todos de cima para baixo. Ele é um pouco esnobe para um cachorro, acho que ele se sente um rei lá em cima”.

Cody é uma celebridade local na Larkin Street. As imagens do cachorro cochilando nas lavadoras já invadiram as redes sociais e transformaram o golden retriever em um meme. Em um dos posts, um internauta declara, resignado: “Acho que não vou conseguir nenhuma ajuda desse atendente”.

As postagens são bem-humoradas. A legenda que acompanha outra foto diz: “O cão da lavanderia nos vê lavando roupa suja e não julga ninguém”.  Como se pode ver, Cody tem uma tarefa nobre a cumprir.

Amaury Almeida Costa
Amaury de Almeida Costa ([email protected]) é redator publicitário há mais de 30 anos. Escreve para diversos blogs desde 2008. Presente nas redes sociais desde a época do Orkut, foi editor da revista Animanews, sucesso editorial do final dos anos 1990, que trazia informações sobre pets – além de cães, gatos e aves, trazia informações sobre répteis, anfíbios, peixes e invertebrados de estimação.
RELACIONADOS

Últimas Publicações