O seu cachorro se foi companheiro para todas as horas. Veja algumas dicas de como lidar com a situação.

Não é fácil lidar com a morte de um cão, que é um companheiro inseparável e um amigo de verdade. A amizade estará sempre presente nas boas lembranças e nos momentos de alegria e felicidades que foram compartilhados. Os cães fazem parte da família e estabelecem com os membros uma conexão de muito amor.

Meu melhor amigo se foi. E, agora?

Permita-se chorar e ficar triste

Não é fácil lidar com a morte do cachorro. A falta será sempre sentida e as lembranças estarão presentes. Permita-se chorar, ficar triste e tirar um tempo, para que você consiga lidar com a situação. Depois que o seu melhor amigo for embora, é normal que a saudade aperte e doa o peito. Assim, você vai se lembrar dele nos cantos que ele gostava da casa, os brinquedos favoritos, as comidas e todos os momentos que foram compartilhado por vocês. Por isso, não esconda os seus sentimentos, ou seja, coloque-os para fora e chore o quanto quiser.

Somente você sabe o sentimento e o amor que tinha (e sempre vai ter) por ele.

Cada um tem um tempo próprio para superar as perdas e seguir em frente na vida. Não tenha pressa e dê a você mesmo um período de luto.

Lembre-se de que cada um reage de uma forma. Respeite os seus sentimentos e este período difícil que esta vivendo.

A importância de desabafar

Você sabia que conversar pode aliviar dores ou ajudar a lidar com elas? Lembre-se de que você não esta sozinho neste mundo, por isso, procure conversar com os seus amigos e familiares, principalmente. Além disso, você pode fazer um álbum de fotografias do seu cachorro, escrever sobre ele, entre outras coisas que achar necessário. Se achar viável, procure uma ajuda especializada para te auxiliar neste período. Cada um lida com a perda de uma forma diferente e o tempo de superação também muda.

Retire um tempo para você

Descanse o tempo que achar necessário. Tire uma semana ou mais, e relembre todos os momentos que passaram juntos. Acredite na força interior que você tem e agradeça pelos bons momentos que você e seu melhor amigo passaram juntos. Lembre-se do quanto ele esteve ao seu lado. Com o tempo, a dor será transformada em uma eterna saudade e as lembranças ficarão para sempre guardadas dentro de você. Por isso, procure viver um dia de cada vez, e seguindo o seu próprio ritmo e entendendo que cada um tempo próprio para superar as perdas.


7 COMENTÁRIOS

  1. MINHA HANNAH QDO FOI AO ENCONTRO DE SÃO FRANCISCO, HORAS ANTES ELA ME BEIJOU O ROSTO , E FICOU A OLHAR OLHO NO OLHO , ONDE ENTENDI QUE A HORA ESTAVA CHEGANDO …. DOEU DEMAIS, FIQUEI DOIS DIAS CHORANDO SEM CONSOLO, E AINDA HOJE ELA ESTÁ PRESENTE , POIS ESTOU SEMPRE TROCANDO O NOME DA DUDA POR ELA QDO VOU CHAMAR … TE AMO PARA SEMPRE HANNAH !!!

    • Perdi minha linda em 3 de Janeiro 2016 é uma dor que não tem fim mas tenho certeza que ela está bem pq foi muito amada por nossa família mas o tempo ameniza a dor mas a saudade será eterna ficou junto de nós 15 aninhos sempre vou amar…bjsssss

  2. A minha Pitika se foi dia 2 de janeiro de 2016, com 9 anos, e 2 anos e meio de diabete, insulina cedo e a noite, ela desencarnou mas não me deixou continua comigo, dentro do meu coração, na minha vida, não ficava longe de mim e nem saia sem, eu não pego outra porque, não posso cuidar dela até os anos que ela viver,prefiro ficar com a minha mesmo desencarnada mas continua aqui junto a mim…..

    • Minha Pitika se foi dia 2 de janeiro de 2016, com 9 anos e meio, e 2 anos meio de diabete, insulina cedo e a noite, ela desencarnou mas não me deixou continua comigo, dentro do meu coração, na minha vida, não ficava longe de mim e nem saia sem eu, não pego outra porque não posso cuidar dela até os anos que ela viver, prefiro ficar com a minha mesmo desencarnada mas continua aqui junto a mim……

  3. Só eu lendo as mensagens aqui já estou em lagrimas,já fico pensando quando a minha Lili partir vou morrer de tanto chorar,mais e assim mesmo quando a gente ama sofremos horrores e parece que não vai passar a dor nunca,mais passa,já perdi minha Pituxa,meu gato Pingo,minha Lilica,meu pai minha mãe minha irmã,meu sobrinho meu cunhado sei muito bem o que e sofrimento,mais Deus dá o consolo e seguimos em frente !

  4. Como dói.
    Perdi minha Pinscher com 18 aninhos, há exatamente dois meses. Tamara foi tudo pra mim, quando ela tinha 3 aninhos meu filho nasceu, me ajudou a cuidar dele, me alertava dos perigos e dos seus choros.
    A despedida foi tão dolorosa, ela estava debilitada com 18 anos, cega, sem dentes, com demência, quando parou de andar e comer percebi que precisava de ajuda. E os veterinários preferiram a eutanásia, logo que ela estava em sofrimento, doeu muito, seu último suspiro me cortou o coração, chorei horrores, o pior foi chegar em casa e explicar para a outra cachorrinha de 5 anos que sua mamãe de criação se foi, como explicar que não adiantava ela procurar que ela não iria achar, que não adiantava não querer comer. Sei que ela é uma estrelinha hoje, e nesses dois meses dificieis, sempre procuro pensar que é assim, temos uma missão e partiremos, ela cumpriu sua missão aqui, oferecendo amor e mais amor para sua filha de criação. Te amamos Tata

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui