Por que os cachorros suspiram?

O seu cachorro suspira quando você está por perto? Parabéns: isto significa que ele está feliz.

Por que os cachorros suspiram? Este é um dos principais sinais de contentamento emitidos pelos cachorros: pode parecer muito poético, mas os peludos suspiram quando se sentem confortáveis, relaxados e tranquilos. Em outras palavras, os suspiros e pequenos gemidos indicam que o cachorro está feliz.

A reação surge em momentos diferentes. Os cachorros suspiram quando recebem petiscos, quando são acariciados, quando se deitam ao lado dos tutores e sentem-se aconchegados e despreocupados. Os suspiros surgem em momentos de descontração.

Eles podem ser acompanhados por lambidas nas mãos dos tutores, trocas de olhares confiantes e sensações de alívio: por exemplo, quando aquela criança irrequieta ou aquela visita de fala estridente vai embora.

Por que os cachorros suspiram?

Os suspiros também podem ocorrer como uma espécie de ponto final: é o arremate de uma ação qualquer. Depois de uma brincadeira com o tutor, da interação com outro pet, da ronda pela casa, o cachorro suspira: chegou o momento de encerrar a atividade e relaxar um pouco, para refazer as energias.

Em resumo, os suspiros dos cachorros são muito semelhantes aos nossos. Eles surgem nos momentos em que é necessário demonstrar emoções e sensações. Raramente os suspiros são emitidos em situações de excitação e agitação, como as brincadeiras mais intensas.

É normal o cachorro suspirar?

Tudo depende do contexto. Os suspiros dos cachorros podem causar espanto em alguns tutores, quando eles aparentemente surgem “do nada”. O cachorro está calmamente instalado na poltrona favorita, tirando uma soneca, enquanto o tutor lê o jornal ou assiste TV no sofá ao lado.

Inesperadamente, o peludo começa a suspirar, olhando insistentemente em direção ao melhor amigo. O que ele poderia estar querendo dizer? Provavelmente, o cachorro está indicando que é hora de “mudar de atividade”.

O cachorro, com os suspiros, passa a sinalizar que chegou o momento de dar uma espiada pela janela, sair para passear, ir ao quintal para fazer as necessidades, brincar ou fazer um lanchinho. Cabe ao tutor interpretar a situação e satisfazer (ou não) as necessidades e desejos do filho de quatro patas.

A linguagem canina é muito complexa. Eles são tão sofisticados que conseguiram até mesmo incorporar o significado de algumas das nossas palavras à comunicação. Vale lembrar que a linguagem verbal é uma aquisição nossa, elaborada a partir de necessidades da espécie. Os cachorros apenas observaram e aprenderam.

Por que os cachorros suspiram?

As vocalizações baixas e suaves são relativamente comuns entre os cachorros e demonstram que eles estão muito satisfeitos com a vida. É como se fosse o reconhecimento do abrigo, conforto e amizade proporcionados pelos tutores.

Os cachorros suspiram, mas também demonstram a satisfação de outras formas. Alguns gemidos baixos e até mesmo roncos – especialmente quanto eles são agasalhados em uma cama quente e confortável – fazem parte do repertório sonoro canino.

Outro motivo comum, mas não tão frequente quanto a demonstração de satisfação, é a necessidade de pedir alguma coisa. Com o tempo de convivência, os cachorros perceberam que os suspiros são uma forma eficiente de chamar a atenção dos tutores.

Os suspiros também podem surgir quando os cachorros estão se espreguiçando. O gesto pode indicar apenas que eles estão alongando e relaxando a musculatura, mas também faz parte da exibição do contentamento, especialmente quando os tutores estão por perto e eles sabem que estão sendo observados.

Muitos cães suspiram quando se deitam. O significado pode ser a satisfação pelo descanso, mas, quando eles se deitam no chão, em meio a uma atividade qualquer, o suspiro indica certo grau de insatisfação. Eles estão “dizendo” que não estão gostando da brincadeira, ou que não entenderam o que se espera deles.

Por que os cachorros suspiram?

Suspiros e alongamentos

Quando os cachorros suspiram e se espreguiçam com muita frequência à frente dos tutores, levantando a garupa e mantendo as patas dianteiras dobradas, é sinal de que eles querem brincar, especialmente se estiverem abanando o rabo.

Mesmo assim, é preciso estar atento, especialmente no caso de cachorros desconhecidos: patas dianteiras dobradas no chão, cauda abanando para a esquerda, alongamentos e piscadas de olhos podem indicar um animal estressado, prestes a atacar.

Os bocejos também possuem vários significados. Um cachorro pode abrir a boca continuamente apenas porque observa o tutor fazendo isso – é um gesto de empatia. Quando ele alia bocejos, suspiros e pequenos gemidos, está simplesmente aproveitando o momento. Mas os bocejos ininterruptos indicam estresse ou ansiedade e é preciso investigar o que está provocando o incômodo.

Os suspiros também podem indicar tédio e aborrecimento. Nestes casos, o cachorro está incomodado com a falta de atividades. Os tutores devem providenciar brincadeiras e jogos mais intensos ou desafiadores, caminhadas mais prolongadas ou apenas enriquecer o ambiente com novos brinquedos.

Receba notícias e histórias do Cães Online no seu Telegram e fique por dentro de tudo! Basta acessar o canal: https://t.me/caesonline.

Postagens Relacionadas