A raça Dogo Argentino foi desenvolvida pelos irmãos António e Augustin Nores Martinez, que viviam na província de Córdoba, na Argentina. António tinha o desejo de criar uma raça que fosse imbatível em arenas de brigas e em caçadas a pumas e javalis.

Em 1928, ele alcançou seu desejo com a criação a partir de fêmeas de uma raça chamada Viejo Perro de Pele a Cordobés, acrescentando as seguintes raças à mistura: Dogue Alemão, para aumentar o peso e o tamanho; Buldogue Inglês e Bull Terrier, para ampliar a resistência e a insensibilidade à dor; Boxer, para contribuir com perspicácia e vivacidade; Mastim dos Pirineos, para conferir rusticidade, olfato apurado, manto branco e maior capacidade de adaptação a qualquer tipo de clima; Pointer Inglês, que também melhorou o olfato; Irish Wolfhound, que também elevou o tamanho do animal; e o Dogue de Bordeaux, que proporcionou mais força na mandíbula, cabeça potente e aptidão para batalhas (essa última raça foi abandonada porque ela gerava filhotes com pelo amarelado).

Como a morte de António impossibilitou o processo de consolidação da nova raça, coube a Augustin dar continuidade ao procedimento. Inicialmente, o Dogo Argentino era utilizado entre os caçadores da região, mas com o tempo ele foi se adaptando a novas tarefas, tornando-se um fiel companheiro.

Características – Padrões da Raça Dogo Argentino

O tamanho do Dogo Argentino varia entre 60 e68 cm. Já o peso médio de cães adultos fica entre 40 e50 kg. Portanto, é um cachorro avantajado, com uma musculatura que salta aos olhos. Mesmo com essas medidas, a raça conta com uma estrutura harmoniosa, além de um andar tranquilo.

As proporções médias da cabeça transmitem um aspecto de brutalidade, com olhos amendoados de cor parda e avelã, protegidos por pálpebras pigmentadas na cor preta. Suas orelhas estão bem separadas na altura do crânio e têm alto porte. Além disso, as orelhas possuem comprimento médio e são lisas, espessas e arredondadas nas extremidades. Os pelos da orelha são mais curtos em comparação com o restante do corpo e elas podem conter manchas pequenas.

A pelagem do Dogo Argentino é curta, uniforme, lisa e macia, encontrada na cor branca (com a possibilidade de mancha preta nos olhos). Os pelos variam de1,5 a2 cme tanto a densidade como a espessura oscilam de acordo com o clima de onde esse cão vive (pelos mais espessos em climas frios e mais finos em climas tropicais).

Temperamento da raça Dogo Argentino

O Dogo Argentino é uma raça muito versátil, pois pode ser alegre e amigável, mas muito dominadora, principalmente na presença de cães do mesmo sexo. As características provenientes de sua origem como cão de caça estão presentes até hoje, por isso, esses cachorros são astutos, corajosos e possuem plena consciência da sua força.

Em seu país de origem, é usado como cão de guarda e de patrulha pela Polícia Federal e também como guia de portadores de deficiência visual.  O Dogo Argentino exerce essas funções porque é paciente, leal aos seus donos, obediente a comandos e tem uma postura silenciosa e independente.

Como o porte dessa raça é grande, não deixe cães da raça sozinhos com crianças. Além disso, ele precisa se acostumar desde filhote a conviver com outros animais. Já o comportamento diante de outros adultos não é agressivo, especialmente se o dono estiver junto, mas também não espere demonstrações de afeto com desconhecidos, pois ele pode sentir que seu espaço foi invadido por estranhos.

O aspecto intimidador contribuiu para que essa raça aparecesse em listas de raças proibidas em diversos países, como a Inglaterra. Nos EUA, a raça ainda é considerada rara, não sendo reconhecida oficialmente.

Dicas e cuidados com a raça Dogo Argentino

O porte físico e os hábitos do animal influenciam para que ele tenha uma condição física digna de atleta, logo, não é indicado manter essa raça presa ou em ambientes com pouco espaço para a realização de exercícios. O contato com a família também é importante para que ele seja um cão equilibrado.

Por ser bastante rústico, o Dogo possui problemas genéticos, como as dermatites decorrentes da exposição excessiva à luz solar, o que pode ser muito prejudicial porque sua pele é branca. Portanto, procure informações com o seu veterinário de confiança para saber como proteger o animal em dias quentes.

Outro problema relacionado à saúde é a surdez congênita, que pode ser identificada com um teste de audição.

Fotos da raça Dogo Argentino

Vídeos da raça Dogo Argentino

30 COMMENTS

    • Meu dogo também tem medo de trovão e fogos, ele vive esfolado porque se machuca todo na hora do desespero. Quando o tempo começa a ficar nublado ele já começa a ficar louco.

  1. NÃO EXISTE NO MUNDO UMA RAÇA MAIS LINDA , AMAVÉL E INTELIGENTE COMO O DOGO.TIVE A FELICIDADE DE TER UM E POSSO AFIRMAR ISSO.INFELIZMENTE A PERDI VITIMA DE UM TUMOR .MAS PARABÉNS E FELICIDADES PARA QUEM AINDA TEM O SEU DOGO

    • Tenho um casal de Dogo, nasceram 8 filhotes, primeira ninhada, porem, morreram 3, um nasceu muito pequeno, um a cadela deitou em cima, e o primeiro, pela inexperiência, eu acho, quando vimos ele estava ainda envolvido com a bolsa, logo apos o parto.

  2. Achei uma cadela abandonada em um aterro sanitário, levei-a pra casa, cuidei dela e depois descobri que ela tem todas a caracteristicas de um dogo argentino é toda branca com uma mancha preta no olho esquerdo. Ela é linda! como alguém pode abandonar um animal desses? É lamentavel que existam pessoas assim soltas por ai!!!

    • Também encontrei um dogo argentino abandonado estava com sarna demodécica, mas agora já tratei e ele esta ótimo. Também não sabia que era um dogo, só descobri porque todo mundo falava que era um pit bull então resolvi pesquisar

  3. Tenho uma fêmea de quatro anos, maravilhosa , tirei uma ninhada em setembro de 2013, nasceram 9 filhotes todos lindos e muito fortes, não existe raça melhor para crianças e leal a familia, amavel e equilibrada, apaixonante.

  4. Eu tenho um casal dessa raça na fazenda do meu pai pra busca o gado não precisa de ninguém eles mesmo são ensinados pra isso são muitos dóceis gosto muito deles se chama LAILA e BRADOCK

  5. TENHO UM DOGO DE UM ANO DE IDADE, ELE NÃO É UM DOS MELHORES, É MUITO LINDO E CORAJOSO, PORÉM JÁ ME MORDEU UMAS 4X… NÃO GOSTA DAS CRIANÇAS AQUI DE CASA! PENA… ELE É BEM TRATADO, PORÉM, DESCOBRI QUE TEM UM DISTÚRBIO HORMONAL… ELE É BIPOLAR. 🙁

  6. É um cão extremamenteeee dominador! Definitivamente não é para qualquer um!! Eu amooo animais, principalmente cachorro! Tenho uma dogo de 11 meses, e apesar de com a família ela ser um amor, dócil, carinhosa demais, fácil de ser educada (apesar de ser teimosa as vezes), superr inteligente, com as pessoas de fora se estiverem com a família ela também é super carinhosa.

  7. MAS com outros animais ela está se mostrando agressiva! Tenho uma pitbull de 15 anos e hoje ela quase a matou, ela não aceita bem outros animais, e sei que não é só a minha, tenho amigos que também tem cães da raça, e nãoo são dóceis!!!!! Já tive três pitbulls e definitivamente se for pra escolher entre um e o outro prefiro o pit, bem mais dócil e confiável. Se você não souber lidar ou tiver outros animais eu não indicaria nuncaaaa! Amo a minha masss… já passei sufocos com ela!!!!! Não aconselho a raça

  8. Aaa e como o amigo de cima disse… a minha tb é extremamente bem tratada, tem inúmeros brinquedos, ração de primeira, passeios diários… Tudo do bom e do melhor… mass…

  9. Bom dia! Adotamos um Dogo Argentino já com 01 ano de idade, hoje ele está com 02 anos e tem apresentado um comportamento insubordinado. Não gosta de levar broncas, ou ser corrigido, rosnando sempre que isso acontece. Nos últimos dias, ele tinha até melhorado com esse comportamento, mas hj ele fugiu e meu esposo tentou colocá-lo para dentro tentado puxa-lo e ele rosnou, mesmo assim ele o pegou pelo enforcador e o colocou para dentro, o cachorro ainda tentou re sistir e meu esposo acabou batendo nele e o cachorro o mordeu no braço duas vezes. As mordidas não foram graves, basicamente arranhões, mas estamos com medo dele, pois ele já havia me atacado há uns 5 meses, sem mordidas, quando tentei colocar o enforcador com a guia nele. Também atacou minha irmã de 11 anos e minha prima de 07 anos, sem motivo algum, também sem mordida, ele pula e fica rosnando. Estamos assustados com ele, sem saber o que fazer. Na minha cidade não tem adestrador e estamos pensando em nos desfazer dele… Alguém poderia me ajudar? Gostamos muito do cachorro…
    Desde já, obrigada.

  10. Adotamos um cão desse, ele está com um ano, e muito dócil, mas reparamos que ele é surdo e não tem um porte grande conforme fotos da internet . Essa surdez e normal da raça? Ele ainda vai crescer mais?
    Agora ele tem espaço para correr antes só ficava preso no canil, acho que por isso não desenvolveu

  11. Oi tenho um casal de Dog Argentino.. gostaria de saber qual é o perigo certo pra deixar á fêmea engravidar….pode engravidar no primeiro cio?

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here