Você sabia que o seu melhor amigo pode ter refluxo gástrico? Além de ser muito comum, pode acontecer em qualquer idade. Mas, você sabe o que o refluxo gástrico? Consiste no retorno do conteúdo do estômago ou intestinal por meio do esôfago. Saiba mais sobre o assunto!

Refluxo gástrico em cães: o que é?

O seu melhor amigo já desenvolveu refluxo gástrico? Os cachorros que têm podem apresentar vômitos crônicos e desta forma comprometer a sua saúde. Além disso, eles podem desenvolver inflamação no esôfago. Se o cachorro que possui refluxo gástrico não receber tratamento adequado a tempo, por exemplo, ele pode desenvolver pneumonia. Por isso, os cachorros precisam ser tratados o mais rápido possível.

Quais são as causas do refluxo gástrico?

As causas desta condição podem ser várias. Por exemplo, após uma anestesia o cachorro pode desenvolver refluxo gástrico devido a alguma sequela. Por isso, antes de qualquer cirurgia é importante que o seu melhor amigo fique em jejum.

Entre outros fatores, destacam-se a origem genética e congênita, porque os cães podem nascer com o mau funcionamento do órgão. Outra condição muito conhecida é a “megaesôfago”, que pode ocasionar o refluxo gástrico, também. Nesta condição, o músculo que recobre o esôfago é dilatado e devido a isso os alimentos não são empurrados de forma adequada para o estômago, provocando o refluxo gástrico. Desta forma, existem vários fatores que podem levar ao aparecimento da condição nos cães. Os donos precisam ficar atentos!
Quais são os sintomas?

Os principais sintomas desta condição são:

Regurgitação do alimento: o cão acaba de comer e vomita de forma imediata

Dor: enquanto o cachorro se alimenta, ele sente dor e pode chorar, ou seja, ele vai mostrar algum tipo de incômodo.

Perda de apetite

Febre

Emagrecimento

Qual o tratamento?

O cão deve ser levado ao veterinário, para que ele possa indicar o tratamento correto para o refluxo gástrico. Um dos exames feitos para avaliar se o cachorro esta ou não nesta condição é a endoscopia.

Um dos tipos de tratamentos feitos para o refluxo gástrico é a mudança de dieta do cão, em que deverá ter alimentos com pouca gordura e também teores de proteínas mais baixos, e assim devem ser oferecidos em pequenas porções no dia a dia. Portanto, o veterinário deve orientar o dono em relação aos cuidados que ele deve ter com cão.

Gostou de aprender um pouco sobre o refluxo gástrico? Conte para a gente aqui no blog!


1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui