InícioHistórias FelizesVovô de 80 anos constrói trenzinho para passear com seus cães resgatados

Vovô de 80 anos constrói trenzinho para passear com seus cães resgatados

Um americano de 80 anos construiu um trem para passear com cachorros de rua.

Eugene Bostick é um homem de 80 anos que vive em Fort Worth, na região metropolitana de Dallas (Texas, sul dos EUA). Aposentado há 20 anos, o vovô americano passa os dias conduzindo o “trem mais legal do mundo”: ele leva cachorros de rua resgatados para passeios pela cidade e pela floresta ao redor.

Eugene construiu um trem para cachorros de rua juntamente com o irmão Corky, falecido em 2015. A casa do idoso fica em uma rua sem saída, que se tornou “ponto de desova” de animais indesejados: muitos tutores levam peludos até lá e os deixam sem olhar para trás.

Os dois irmãos trabalharam durante mais de 30 anos como ferroviários. Eles atuaram no pátio Davidson Yard da Union Pacific Railroad, que opera a maior malha ferroviária dos EUA, com 50 mil quilômetros que cortam 23 dos 50 Estados americanos. Os Bostick possuem bastante experiência em trens.

trem-para-os-cachorros-de-rua

O trem

Eugene e Corky passaram a recolher os cachorros de rua há sete anos. Inicialmente, os irmãos apenas ofereciam alimento, mas a ação espontânea foi tomando corpo: os dois idosos começaram a permitir que os animais entrassem na casa, tanto para se refrescar durante o dia, como para se abrigar nas noites mais frias.

O projeto foi sendo ampliado. Eugene decidiu levar alguns animais ao veterinário, para tratar doenças mais urgentes, vacinar, vermifugar e castrar. O passo seguinte foi construir um canil no terreno, para abrigar os cães resgatados.

A ideia do trem surgiu quando Eugene e Corky observaram um homem manobrando um trator acoplado a carroças, para recolher pedras e materiais recicláveis. Eugene pensou: “Esta engenhoca serviria como transporte para os cachorros”.

trem-para-os-cachorros-de-rua

Eugene Bostick trabalhou a vida inteira como soldador. Ele obteve alguns barris de plástico, furou-os, colocou rodas e engates entre eles. A locomotiva é um trator velho, encontrado pelos irmãos em um depósito de ferro velho.

Inicialmente, os cachorros da rua não entenderam muito bem para que serviria aquele verdadeiro circo ambulante. Aos poucos – com os mais corajosos na frente –, eles se aproximaram do trem e Eugene embarcou-os nos “vagões”.

Hoje em dia, os cães de Eugene correm alegres para a rua, sempre que ouvem o barulho do trator sendo enganchado nos barris. Eles ficam animados, porque sabem que está na “hora do passeio” – uma atração turística em Fort Worth.

O trem original tinha capacidade para transportar quatro passageiros. Mas os cachorros continuaram aparecendo, animados com a ideia de vagar pelas ruas sem precisar de nenhum esforço. Atualmente, o trem dos cachorros de Eugene transporta até dez animais em cada passeio.

trem-para-os-cachorros-de-rua

Os passeios de trem acontecem duas vezes por semana. É divertido observar os cachorros embarcando nos barris e comportando-se muito bem: ninguém faz bagunça, nem tenta saltar para fora do comboio.

As primeiras imagens do trem para cachorros foram postadas no BuzzFeed, ainda em 2014, e logo atraíram a atenção de milhares de internautas. Atualmente, mais de 1.500 pessoas seguem Eugene no Facebook.

Além dos vídeos mostrando os passeios dos cachorros no trem exclusivo, Eugene também publica imagens de animais em risco, informações sobre adoção e guarda de cães de rua e curiosidade sobre os peludos.

Cada nova publicação é curtida e compartilhada por algumas dezenas de internautas. Os vídeos sempre chamam a atenção para a situação dos cachorros de rua nos EUA, apresentam os candidatos à adoção e as aventuras de Eugene e o trem para cachorros, que já foi visitado inclusive por órgãos de imprensa de outros países.

Vovô de 80 anos constrói trenzinho para passear com seus cães resgatados

Enquanto os cães se distraem, a população de Fort Worth aproveita para apreciar a invenção de Eugene, que já ficou famosa nas redes sociais. O idoso poderia estar recolhido em casa, queixando-se das dores e da solidão, mas encontrou muitos parceiros para dividir a vida e a diversão.

O trabalho mais memorável de Eugene Bostick foi realizado muito depois da aposentadoria. O vovô americano proporcionou um lar digno para dezenas de cachorros, garantiu a adoção de centenas de pets e diverte humanos e caninos de Fort Worth.

As aventuras do trem para cachorro continuam sendo um destaque da cidade, aguardadas com ansiedade por crianças e adultos. Enquanto isso, Eugene faz propaganda dos direitos dos animais e contribui para reduzir a população de peludos nas ruas.

Fotos: Tiffany Johnson

Cães Online
Cães Online tem por objetivo trazer informações confiáveis sobre os melhores amigos dos humanos. Nosso contato: [email protected]
RELACIONADOS

Últimas Publicações