InícioCuriosidadesPitbull resgatado se transforma em detetive, especializado em investigar incêndios criminosos

Pitbull resgatado se transforma em detetive, especializado em investigar incêndios criminosos

Esta é a história de Hansel, um pitbull que trabalha para a polícia em incêndios criminosos.

Hansel é um pitbull que trabalha como detetive policial, mas ele não teve um bom começo de vida. Quando tinha apenas sete semanas de idade, ele e outros 20 animais da raça foram apreendidos em uma rinha de cães em Tilbury, na área rural de Ontário (centro-leste do Canadá).

De acordo com a legislação da província, foi determinado que os cães fossem abatidos – as leis canadenses preveem a eutanásia para cães apreendidos em locais de luta; além disso, a criação da raça está proibida no país.

pitbull-detetive-especializado-em-investigar-incendios-criminosos

Felizmente, a repercussão do caso foi imensa, não apenas no Canadá, mas em todo o mundo. Ativistas dos direitos dos animais promoveram uma campanha em favor dos peludos. Danielle Eden e Rob Scheinberg, fundadores do Santuário Dog Tales, de Ontário, assumiram a defesa dos animais.

Dois anos depois, as autoridades canadenses concluíram que os cachorros apreendidos tinham direito à vida – uma vitória que produziu jurisprudência nas cortes canadenses. Os pitbulls foram então transferidos para abrigos.

Throw Dogs Away

Hansel nunca lutou nas rinhas de Ontário – ele ainda era um filhote em treinamento quando foi apreendido. Todos os animais apreendidos em Tilbury foram avaliados clinicamente e todos os que se mostraram fisicamente viáveis foram encaminhados a abrigos.

pitbull-detetive-especializado-em-investigar-incendios-criminosos

Mesmo assim, esses cachorros foram treinados para a luta e não sabiam conviver com humanos regularmente. Com o fim da disputa judicial, o pitbull foi transferido para um projeto de reabilitação na Flórida (sudeste dos EUA), o Dogs Playing for Life (“cães brincando pela vida”, em tradução livre).

Trata-se de uma organização não governamental sem fins lucrativos que acolhe, trata e cuida da reabilitação de cães considerados irrecuperáveis. Ela recebe animais com problemas críticos de diversas partes dos EUA e desenvolve diversos programas para socializá-los.

pitbull-detetive-especializado-em-investigar-incendios-criminosos

Depois de um ano de cuidados intensos no centro de treinamento na Flórida, Hansel foi inserido no projeto Throw Dogs Away (“jogue os cachorros fora”, em tradução livre), com sede na Filadélfia (nordeste do país). Apesar do nome, o programa é voltado para cachorros com potencial para trabalhar em operações policiais.

Os cães selecionados passam por treinamentos específicos, como encontrar pessoas desaparecidas, farejar drogas e armas, resgatar vítimas em risco, etc. Uma vez concluído o curso, os animais são doados para departamentos de polícia americanos.

Detecção de incêndios

O Corpo de Bombeiros de Millville (Nova Jérsei, leste dos EUA) estava procurando um “detector de acelerações”, como são chamados os animais que identificam evidências de incêndios criminosos. O serviço policial já atuava com alguns K-9 – o nome dos cães oficiais das forças de segurança (a pronúncia em inglês lembra “canine”, ou “canino”, em português).

pitbull-detetive-especializado-em-investigar-incendios-criminosos

Estes cachorros são treinados para encontrar provas de que alguns incêndios foram provocados intencionalmente, quase sempre para anular provas de outros crimes ou para obter o pagamento irregular de apólices de seguros.

Hansel tinha todas as características necessárias para o serviço. Uma vez admitido no serviço, ele ainda passou 16 semanas em adaptação com Tyler van Leer, o seu parceiro humano, um oficial que trabalha há oito anos nos bombeiros de Millville. O treinamento foi realizado na New Jersey Police K-9 Association.

pitbull-detetive-especializado-em-investigar-incendios-criminosos

Foi o próprio Van Leer quem sugeriu a criação de uma unidade de apoio ao trabalho com o emprego de cachorros treinados. A sugestão foi aceita pela coordenação do Corpo de Bombeiros e Hansel foi um dos primeiros animais a serem admitidos no programa.

O pitbull canadense, aliás, é o primeiro cão da raça a atuar como detector de acelerações nos EUA. Hansel é capaz de identificar 14 odores de líquidos inflamáveis diferentes. Em dois anos, ele já atuou na resolução de seis casos de incêndios criminosos.

pitbull-detetive-especializado-em-investigar-incendios-criminosos

Em 2021, Hansel foi um dos concorrentes do American Humane Hero Awards, premiação que consagra os melhores cães do país nas categorias: Guia, Terapia, Apoio a Operações Militares, Busca e Resgate, Serviço e Resgate de Animais, além de Detecção e Apoio à Lei, categoria vencida pelo pitbull. Ele ficou entre os sete animais destacados pela edição deste ano.

Hansel já está com cinco anos e há dois concluiu o treinamento como detector de acelerações. Ele continua na ativa. A aposentadoria deve ocorrer daqui a três anos, quando o pitbull completar oito anos. Hansel já tem endereço certo para curtir a folga: ele irá morar com o parceiro Van Leer.

Amaury Almeida Costa
Amaury de Almeida Costa ([email protected]) é redator publicitário há mais de 30 anos. Escreve para diversos blogs desde 2008. Presente nas redes sociais desde a época do Orkut, foi editor da revista Animanews, sucesso editorial do final dos anos 1990, que trazia informações sobre pets – além de cães, gatos e aves, trazia informações sobre répteis, anfíbios, peixes e invertebrados de estimação.
RELACIONADOS

Últimas Publicações