InícioHistórias FelizesO casamento dos chihuahuas que após passarem por apuros tiveram um final...

O casamento dos chihuahuas que após passarem por apuros tiveram um final feliz

Foram roubados e vendidos, mas reencontrados tiveram um final feliz. Acompanhe o casamento dos chihuahuas.

Um casal de chihuahuas teve uma boa dose de aventuras antes de chegarem a um casamento feliz. Khloe e Sebastian são os animais de estimação da família Quezada, que vive no México. Eles passaram por maus momentos antes de chegar ao final feliz – ao “enfim, sós”.

Curiosamente, os nomes dos dois pets foram inspirados no desenho animal “Perdido pra Cachorro” (“Beverly Hills Chihuahua”, no original), dos Estúdios Disney. No filme, Khloe também é sequestrada durante as férias e passa por muitos apuros.

Khloe e Sebastian

Khloe foi a primeira chihuahua a entrar para a família. Ela estava abandonada nas ruas e foi resgatada das ruas por uma prima de Estefania Quezada, que ficou impressionada com a obediência e amabilidade da cachorrinha.

Sebastian foi adotado em seguida, por um dos irmãos de Estefania, que se apaixonou pelo cãozinho assim que o viu: foi amor à primeira vista. A vida dos pets seguia tranquila, com muito amor, afeto e mimos no seio da família Quezada.

Sebastian e Khloe podem ser descritos como um casal apaixonado. Desde que se viram pela primeira vez, os dois peludinhos não se largam por nada: eles brincam, comem, passeiam e dormem juntos. Foram feitos um para o outro.

casamento-dos-chihuahuas-perdidos

A tutora comentou na internet:

“É muito engraçado ver como os dois se beijam e como o Sebastian está sempre perto de Khloe. Os dois se reuniram por um acaso do destino e são apaixonados um pelo outro”.

Certo dia, Khloe decidiu passear na rua. Ela não tinha autorização para isso, mas encontrou o portão aberto e resolveu dar uma volta na vizinhança. Sebastian, o fiel escudeiro, não poderia deixar de seguir a namorada.

Mas o par de chihuahuas não sabiam se virar nas ruas sozinhos e acabaram perdidos. Para piorar as coisas, eles foram encontrados por pessoas inescrupulosas, que decidiram faturar algum dinheiro com os pets.

Enquanto a família Quezada estava desesperada em busca de Khloe e Sebastian, os dois estavam sendo vendidos. A polícia local foi acionada e Estefania publicou fotos com a descrição dos chihuahuas nas redes sociais, enquanto os irmãos procuravam os peludos pelas imediações.

Passados alguns dias, um internauta contatou a família Quezada, dizendo que havia comprado dois chihuahuas muito parecidos com as fotos publicadas por Estefania. Os pets foram encontrados na rua e os supostos donos afirmaram que não tinham condições de cuidar deles.

casamento-dos-chihuahuas-perdidos

Os cachorros foram negociados por apenas 300 pesos mexicanos – pouco menos de R$ 80, pela cotação atual. No Brasil, um filhote de chihuahua é vendido, em média, por R$ 1.000, mas, em algumas linhagens campeãs, o preço chega a R$ 8.000.

Finalmente, depois de 24 dias de muita ansiedade, Khloe e Sebastian foram localizados e devolvidos à família Quezada. Foi um dia de muita comemoração e alívio. “Os bons filhos retornaram à casa”.

O reencontro foi emocionante. Todos queriam pegar Khloe e Sebastian no colo, que não cabiam em si de tanta alegria. Então, para comemorar, Estefania decidiu oficializar formalmente a união dos chihuahuas.

O casamento

Os tutores de Khloe e Sebastian cuidaram dos mínimos detalhes: confeccionaram convites personalizados, prepararam lanches especiais e reuniram todos os amigos e familiares para o grande dia.

Os cães de tornaram ainda mais inseparáveis depois da fuga, sequestro, venda ilegal e retorno para casa. A mãe de Estefania se responsabilizou pelos trajes dos noivos, enquanto a cunhada fez a decoração da festa.

Com o “altar” preparado, toda a família se reuniu para celebrar a união dos chihuahuas. Sebastian usou um belo colar preto (ele não suporta roupas), enquanto Khloe teve direito a véu e vestido de noiva brancos.

O casal recebeu muitos presentes dos convidados e curtiu bastante a festa preparada pelos Quezada. O casamento foi realizado no dia 02.10.21. Os tutores fizeram questão de fazer discursos sobre o amor dos dois chihuahuas e o alívio da família por tê-los de volta, em segurança.

Provavelmente, Khloe e Sebastian não fazem a menor ideia do que significou a festa, as roupas, os salgadinhos, a decoração – e certamente não entenderam nenhuma palavra proferida nos discursos. Mas a família Quezada precisava marcar, com categoria, o reencontro dos pets.

A lua de mel também não ocorrerá. Os dois peludinhos já são castrados, uma vez que vieram de centros de resgate, depois de terem passado uma “primeira infância” nas ruas. Mas nada disso importa. O importante é que Khloe e Sebastian estão contentes, cheios de vida e de amor para dar. Que eles sejam felizes para sempre.

Amaury Almeida Costa
Amaury de Almeida Costa ([email protected]) é redator publicitário há mais de 30 anos. Escreve para diversos blogs desde 2008. Presente nas redes sociais desde a época do Orkut, foi editor da revista Animanews, sucesso editorial do final dos anos 1990, que trazia informações sobre pets – além de cães, gatos e aves, trazia informações sobre répteis, anfíbios, peixes e invertebrados de estimação.
RELACIONADOS

Últimas Publicações